Adolescente de 14 anos acusado de matar jovem com 114 facadas será julgado como adulto

Crime aconteceu no condado de St. Johns, na Flórida, e chocou pela brutalidade

0
2884

Por Ana Paula Franco

Um adolescente de 14 anos será julgado como adulto por homicídio de primeiro grau por ter esfaqueado Tristyn Balley, de 13 anos, 114 vezes. Aiden Fucci tinha sido acusado inicialmente por assassinato em segundo grau, mas a brutalidade do crime fez com que os promotores mudassem de ideia.

O corpo da menina de 13 anos foi encontrado no dia 9 de maio, depois que a família reportou à polícia seu desaparecimento. Segundo a polícia de St. Johns, na Flórida, a jovem foi golpeada dezenas de vezes por todo o corpo. “Dizer que esse crime é horrível é redundante”, disse o promotor do caso, R.J Larizza. “Esse crime foi premeditado e essa menina sofreu muito nas mãos do assassino”, disse.

De acordo com a acusação, o DNA do adolescente foi encontrado na faca usada para cometer o crime e também no corpo da menina assassinada.

Câmeras de segurança mostraram os dois adolescentes no dia do crime andando em direção a uma área de mata, mas não havia sinais de que estavam brigando ou de ameaça. A motivação para o crime não foi revelada e o acusado teria dito que “mataria alguém a facadas em um matagal”.

Fucci apareceu para a primeira audiência com o juiz na sexta-feira (28) e está preso sem direito à fiança. (Com informações da CNN)