Alemanha aprova testes de possível vacina contra a COVID-19

O teste será feito com duzentas pessoas saudáveis e também em cobaias

0
648
O tratamento combina dois tipos de anticorpos que podem ser usados por pessoas com sintomas leves da covid-19 (foto: wikimedia)
O tratamento combina dois tipos de anticorpos que podem ser usados por pessoas com sintomas leves da covid-19 (foto: wikimedia)

A Alemanha deu luz verde para testes de possíveis vacinas contra o coronavírus em humanos desenvolvidas pela empresa de biotecnologia alemã BioNTech. A empresa é mais uma a tentar desenvolver uma vacina contra o coronavírus.

O teste será realizado inicialmente em duzentas pessoas saudáveis, e mais cobaias, incluindo algumas com risco maior da doença, que serão acrescentadas em um segundo estágio, informa o Instituto Paul Ehrlich, responsável pelas vacinas alemãs.

A BioNTech afirmou que está desenvolvendo quatro candidatas a vacina através de um programa batizado de BNT162 com sua parceira, a gigante farmacêutica Pfizer.

Testes da vacina também estão sendo planejados para ocorrer nos Estados Unidos assim que houver aprovação da agência reguladora para testes em humanos.

Estas moléculas agem como receitas que instruem as células humanas a produzirem antígenos, que permitem que o sistema imunológico desenvolva um arsenal contra infecções futuras de coronavírus.

Duas vacinas experimentais diferentes contra o coronavírus foram aprovadas para testes humanos na China na semana passada. Uma unidade da Sinovac Biotech e o Instituto de Produtos Biológicos de Wuhan estão desenvolvendo o produto.

Ainda em março, a China liberou outro teste clínico de uma candidata a vacina desenvolvida pela Academia Militar de Ciências Médicas e pela empresa de biotecnologia CanSino Bio. (Com informações da Agência Brasil)