Apreensões de imigrantes na fronteira chegam ao maior patamar em 15 anos

Em março, 171 mil pessoas foram presas tentando atravessar ilegalmente a fronteira, segundo o CBP

0
1951
Crianças e adultos apreendidos tentando atravessar a fronteira (Foto Mani Albrecht - U.S. Customs and Border Protection)
Crianças e adultos apreendidos tentando atravessar a fronteira (Foto Mani Albrecht - U.S. Customs and Border Protection)

Apreensões de imigrantes na fronteira dos Estados Unidos com o México chegaram ao maior patamar em 15 anos, segundo dados do U.S. Customs and Border Protection (CBP). As informações são do Washington Post.

Somente no mês de março, 171 mil imigrantes foram detidos tentando atravessar ilegalmente a fronteira. Em janeiro, 78.442 foram apreendidos na região. 

O número de crianças e adolescentes menores de 18 anos presos chegou a 18.800 em março, um aumento de 99% com relação a fevereiro. O recorde era de maio de 2019, com 11.861 crianças apreendidas. 

Já o número de famílias que tentaram atravessar a fronteira juntos passou de 19 mil em fevereiro para 53 mil em março. 

O diretor do Departamento de Homeland Security (DHS), Alejandro Mayorkas, disse que está ciente da situação e reconheceu que “março foi um dos meses com maior número de pessoas presas dos últimos vinte anos”, disse. 

“Estamos aumentando a segurança da fronteira, seguindo as determinações sanitárias do Centers for Disease Control and Prevention (CDC) e preservando a vida dos americanos e dos imigrantes e também protegendo as crianças. Ainda temos muito trabalho para fazer”, disse Mayorkas.