Atentados em Paris reduzem o número de visitantes ao Museu do Louvre

Museu mais famoso do mundo teve dois milhões de visitantes a menos em 2016

0
2833
Incidente ocorreu próximo ao famoso Museu do Louvre
Incidente ocorreu próximo ao famoso Museu do Louvre

DA REDAÇÃO (com O Globo) – O Museu do Louvre em Paris anunciou, na última semana, que seu número de visitantes em 2016 caiu para 7,3 milhões, dois milhões a menos que em 2015 quando registrou 9,3 milhões de visitantes no ano. Na época, o Louvre projetou que até 2025 este número chegaria a 12 milhões de pessoas.

Segundo o site “The Art Newspaper”, a organização atribui o declínio a uma queda no número de turistas estrangeiros visitando Paris, por conta dos atentados terroristas que ocorreram na França em 2015 e 2016. Ainda de acordo com o site, o Louvre provavelmente segue como o museu mais visitado do mundo.

Em entrevista ao GLOBO, em outubro, Jean-Luc Martinez, diretor do Louvre, já antecipava a questão:

De fato, registramos uma queda de frequentação que pôde ser quantificada no primeiro semestre, de janeiro a julho deste ano, numa perda de 22%. Em 2015, tivemos 8,7 milhões de visitantes, e tudo indica que este ano deveremos perder entre 1,6 milhão e 2 milhões de público. Aproximadamente, deveremos ficar por volta dos 7 milhões de visitantes em 2016.

Segundo Martinez, o número de americanos que visitaram o museu em 2016 caiu 18%; enquanto chineses e japoneses tiveram uma queda de 31% e 61%, respectivamente.

“Não tenho ainda os dados do público brasileiro, mas temos a impressão de também caiu em relação ao ano passado, e penso que a atual crise econômica do país e também a Olimpíada do Rio possam ter colaborado para isso”, disse ele.

Um terço dos visitantes do museu são franceses, e o número de 2 milhões de locais se manteve estável, mesmo com uma queda de passeios escolares logo após os atentados.