Ativista indocumentada presa pelo ICE é liberada

Ela havia sido presa logo depois de discursas sobre os direitos dos imigrantes

0
2982
Daniela Vargas foi liberada no dia 10
Daniela Vargas foi liberada no dia 10

Daniela Vargas, a ativista e indocumentada argentina que foi detida por agentes do U.S. Immigration and Customs Enforcements  (ICE) depois que ela discursou contra as batidas realizadas pelo órgão, foi liberada na sexta-feira (10). A informação foi divulgada por Karen Tumlin, diretora legal do National Immigration Law Center (NILC). Com informações do Brazilian Voice.

“Após quase duas longas semanas em detenção, Daniela Vargas está a caminho de se encontrar com sua família e comunidade no Mississippi”, disse Karen. “Este é um dia, pelo menos um momento, para celebração no que tem sido vários meses horríveis para a comunidade imigrante e suas famílias”.

Os detalhes sobre as condições para a libertação de Vargas não foram divulgados na sexta-feira. O advogado da jovem, Nathan Elmore, disse estar preocupado que a ordem de deportação contra a sua cliente não foi rescindida. Ela foi mantida em um centro de detenção do ICE na Louisiana.

“Nós não vimos a ordem que a liberou, então, há aspectos técnicos que provocam dúvidas antes de vê-la”, disse Elmore.

Vargas, de 22 anos, qualificou para a proteção temporária contra a deportação através do programa Deferred Action for Childhood Arrivals (DACA), assinado pelo então Presidente Barack Obama, mas o status dela expirou em dezembro de 2016 e ela não o renovou. A jovem foi detida semana passada, depois de discursar em um comício ocorrido em Jackson, Mississippi, sobre a prisão do pai e irmão por agentes do ICE.