Aviões colidem em pleno voo durante espetáculo aéreo no Texas; seis pessoas morreram

Investigadores querem saber por que os dois aviões compartilhavam o mesmo espaço no momento do impacto; vitimas eram tripulantes das aeronaves, ninguém que estava no solo se feriu

0
534
Cerca de 4 mil espectadores assistiam ao show aéreo quando ocorreu o acidente (foto: Screenshot)

O choque entre dois aviões vintage construídos durante a Segunda Guerra Mundial fez seis vítimas fatais e deixou um rastro de destroços durante um show aéreo em Dallas, no Texas. O incidente aconteceu neste sábado (12) por volta das 1:30 p.m. Imagens registradas por espectadores mostram o momento da colisão entre as aeronaves, seguida de uma explosão. Os tripulantes do Boeing B-17 Flying Fortress e do Bell P-63 Kingcobra morreram na hora. Mais tarde, eles foram identificados como: Terry Barker, Craig Hutain, Kevin Michels, Dan Ragan e Leonard Root, todos membros da Commemorative Air Force, uma organização sem fins lucrativos dedicada a restaurar aeronaves usadas na World War II; além de Curt Rowe, anfitrião do Wings Over Dallas Airshow. Ninguém que estava no solo foi ferido.

O juiz Clay Jenkins disse que o National Transportation Safety Board abriu uma investigação para saber o que causou a “horrível tragédia”. Uma das principais questões levantadas pelos detetives é por que os dois aviões compartilhavam o mesmo espaço no momento do impacto.