Barqueiro encontra dois corpos no oceano perto das Florida Keys

Identidades dos afogados ainda são desconhecidas, mas podem ser de migrantes cubanos

0
426
O barqueiro chamou a Guarda Costeira dos EUA, que trouxe os corpos de volta à sua estação na vila de Islamorada (Foto: wikipedia.org)
O barqueiro chamou a Guarda Costeira dos EUA, que trouxe os corpos de volta à sua estação na vila de Islamorada (Foto: wikipedia.org)

Detetives das Florida Keys estão investigando a descoberta de dois corpos encontrados flutuando no oceano ao largo da cadeia de ilhas.

Um barqueiro recuperou os corpos por volta das 1:30pm na sexta-feira (12), com 1 milha de distância um do outro, a cerca de 18 km do Molasses Reef, em Key Largo, disse o porta-voz do escritório do xerife do condado de Monroe, Adam Linhardt.

O barqueiro chamou a Guarda Costeira dos EUA, que trouxe os corpos de volta à sua estação na vila de Islamorada, disse Linhardt.

Não se sabe imediatamente se os homens faziam parte de um grupo de 15 pessoas, vindas de Cuba, cujo barco virou 14 milhas ao sul de Sugarloaf Key, em Lower Keys, na sexta-feira, 5 de agosto.

Duas pessoas desse grupo foram confirmadas mortas e oito foram resgatadas. Mas as tripulações da Guarda Costeira nunca encontraram as outras cinco pessoas daquela jornada.

Tiffany Fridley, diretora de operações do gabinete legista do condado de Monroe, disse na segunda-feira (15) que o necrotério tem os corpos de quatro migrantes “que foram recuperados em águas federais/internacionais”.

Ela disse que dois dos corpos chegaram em 5 de agosto e mais dois em 12 de agosto, na última sexta-feira.

“Eles nos foram relatados como migrantes”, disse a legista.

Nem a Guarda Costeira nem o gabinete do xerife confirmaram se os corpos encontrados na sexta-feira são de possíveis migrantes.