Brasil dispensa exigência de visto para cidadãos dos EUA, Canadá, Japão e Austrália

Decreto foi publicado no Diário Oficial desta segunda-feira (18); neste caso não haverá reciprocidade

0
4183
Turistas americanos durante a Copa 2014 FOTO Terra
Turistas americanos durante a Copa 2014 (Foto: Terra)

Cidadãos dos Estados unidos, Canadá, Japão e Austrália não precisarão de visto para entrar em território brasileiro. A medida foi publicada nesta segunda-feira (18) no Diário Oficial da União e entra em vigor no dia 17 de junho. O decreto foi preparado para coincidir com a visita oficial de Bolsonaro aos Estados Unidos.

O objetivo da medida, segundo o governo, é incentivar o turismo de cidadãos destes países no Brasil.

A medida é unilateral, sem previsão de reciprocidade como é habitual nesses casos, e valerá apenas para a ida para o Brasil de cidadãos destes quatro países. A mudança já havia sido definida por um grupo de trabalho temático sobre turismo durante a transição governamental, entre o início de novembro e o fim de dezembro do ano passado.

“São países com risco imigratório baixo, ótimos em turistas, bons emissores de gastos e que não têm problemas consulares. Nossa expectativa é potencializar o turismo e, consequentemente, a geração de emprego e renda no Brasil”, disse ao jornal O Globo o Ministério do Turismo.

O Brasil tem acordos com 90 países para a dispensa recíproca de vistos. Estados Unidos, Canadá, Japão e Austrália foram beneficiados por uma isenção unilateral temporária, entre junho e setembro de 2016, pouco antes e pouco depois da Olimpíada do Rio. Considerando um custo médio $160 por visto, o Ministério do Turismo calcula que deixou de arrecadar $19,3 milhões em taxas consulares durante esse período. Porém, os mesmos turistas beneficiados gastaram $167 milhões no Brasil.