Brasileiro é achado morto em parque de Lisboa

0
797

O goiano Valdeon Souto da Silva, de 48 anos, foi encontrado morto no Parque Florestal Monsanto, em Lisboa, segundo portal de notícias G1.

O corpo foi localizado no último dia 23 de julho pela Guarda Florestal do parque. De acordo com parentes, o crime deve ter ocorrido no início do mês passado, pois Valdeon não dava notícias desde 9 de julho. Por isso, a família procurava por ele.

Um irmão da vítima revelou que o corpo estava em avançado estado de decomposição. A vítima estava seminua. O caso é investigado pelo departamento de Homicídios da Polícia Judiciária de Lisboa.

Por telefone, o órgão informou ao G1 que ainda “não há conclusões sobre a causa e as circunstâncias da morte”. Como a vítima morreu há algum tempo, “será mais demorado para finalizar os laudos periciais”.

Natural de Santa Rosa de Goiás, Valdeon morava em Londres há cerca de quatro anos. Segundo a família, ele viajou a Portugal para resolver problemas com o passaporte português, pois também tinha nacionalidade portuguesa.

Por telefone, o Itamaraty informou ao G1, na terça-feira (4), que não possui informações oficiais sobre o caso. O órgão acionará o consulado do Brasil em Lisboa para apurar mais informações.