Brasileiro é encontrado morto em Newark

Homem foi encontrado em casa depois de alguns dias sem dar notícias

0
3292
Edison da Conceição era natural do interior da Bahia e deixou a mãe e 1 filha no Brasil
Edison da Conceição era natural do interior da Bahia e deixou a mãe e 1 filha no Brasil

O brasileiro Edison da Conceição, natural do interior da Bahia, morador de Newark (NJ), foi encontrado morto no interior do quarto em que dormia. O brasileiro, que tinha entre 40 e 45 anos, foi visto com vida pela última vez na noite de quarta-feira (1), depois que chegou do trabalho. Ele morava há dois anos na residência e frequentava uma igreja evangélica na vizinhança. As informações são do jornal Brazilian Voice.

Edison trabalhou na construção civil e há cerca de 1 mês na entrega e montagem de móveis e parecia estar satisfeito com a nova função. Segundo o também brasileiro Jerry Capita, ele deixou o colega de trabalho em Newark no fim do dia e, quando foi busca-lo na manhã seguinte em sua residência, Edison não apareceu. Jerry tentou pegar o amigo em casa na quinta (2) e sexta-feira (3) sem também obter sucesso, até que no sábado (4) a proprietária do imóvel, Rosângela da Silva, que está em viagem de trabalho na Flórida, autorizou que a porta do quarto em que Conceição dormia fosse arrombada por um dos moradores. Para surpresa, o colega, cujo nome não foi divulgado, encontrou Edison, aparentemente já morto há vários dias, deitado na cama.

“Achei estranho ele não retornar as minhas mensagens, pois sempre respondia”, disse Silva. “Ele era uma pessoa bastante responsável; cuidava da minha casa quando eu não estivesse lá, colocava o lixo para fora. Esse envolvimento (com drogas) devia ser algo novo porque ele nem fumava”.
As autoridades ainda não divulgaram oficialmente a causa da morte. Segundo amigos, Edison deixou a mãe e uma filha na Bahia.
Edson era policial no Brasil e solicitou o pedido de asilo nos Estados Unidos. Recentemente, o Departamento de Imigração (ICE) havia estendido a permissão dele de permanência no país para mais 1 ano, fato que o deixou feliz.