Brasileiros dão show na Libertadores

0
310
O atacante Pedro teve uma atuação de gala e anotou quatro gols (Foto: Marcelo Cortes/CRF)
O atacante Pedro teve uma atuação de gala e anotou quatro gols (Foto: Marcelo Cortes/CRF)

A cada ano aumenta mais o distanciamento dos clubes brasileiros em relação aos seus rivais da América do Sul. Vale lembrar que as três últimas Taça Libertadores da América foram ganhas por brasileiros: Flamengo (2019), Palmeiras (2020 e 2021), sendo que o Verdão fez a final com outros clubes do próprio país. Em 2020, ganhou a competição em cima do Santos e no ano passado derrotou o Flamengo na prorrogação em Montevidéu.

O cenário atual tem acentuado ainda mais a vantagem dos clubes do Brasil. Este ano, já estão classificados Palmeiras, Atlético-MG, Flamengo, Corinthians e Athletico-PR. Como não temos o dom de pitonisa nem dá para saber se o Fortaleza venceu o Estudiantes. Caso tenha se classificado, o Brasil teria seis dos oito quadrifinalistas com três confrontos diretos. Se o time de La Plata foi o vencedor se somou aos outros dois argentinos que restaram: Talleres e Velez Sarsfield, que, aliás, jogarão entre si para definir uma das semifinais. As surpresas foram as eliminações de Boca Juniors e sobretudo de River Plate, ainda na fase de oitavas de final do principal torneio sul-americano.

O fenômeno se repete na Copa Sul-Americana, onde já estão classificados Internacional e Ceará que provavelmente devem ter a companhia de São Paulo e possivelmente do Atlético-GO, que jogaram na quinta-feira (7) à noite em casa contra Universidad Catolica, do Chile, e Olimpia, do Paraguai. A decepção ficou por conta do Santos, que somente empatou em casa com o Deportivo Tachira, da Venezuela, e foi eliminado na série de penalidades máximas. A derrota provocou o desligamento do execuitivo de futebol Edu Dracena e a demissão do técnico Fabian Bustos.

Três jogos desta semana foram marcantes: Boca Juniors x Corinthians em Buenos Aires, Palmeiras x Cerro Porteño em São Paulo e Flamengo x Tolima no Rio de Janeiro. Analisaremos estas partidas, assim como as outras disputadas nestes torneios continentais.

Hulk garante Galo nas quartas de final

Com o gol, Hulk igualou a marca de Jô na Libertadores com a camisa do Atlético (Foto: site do Atlético-MG)
Com o gol, Hulk igualou a marca de Jô na Libertadores com a camisa do Atlético (Foto: site do Atlético-MG)

O Atlético está nas quartas de final da Libertadores. O Galo precisou brigar muito pela vaga, ao vencer o Emelec por 1 a 0, no Mineirão lotado (o jogo de ida ficou 1 a 1). Apesar da superioridade em campo, o time só chegou ao gol da vitória aos 33 minutos do segundo tempo. Hulk marcou cobrando pênalti e carimbou a classificação. Com o gol da terça-feira (5), Hulk igualou a marca de Jô na Libertadores com a camisa do Atlético. Agora, ambos são os recordistas de gols pelo clube na história da competição, com 11 gols, cada.

Com 56.421 torcedores presentes no Mineirão, o Atlético bateu o próprio recorde de público como mandante em 2022 e arrecadou R$ 3.291.413,50 em bilheteria. 

O adversário do Atlético nas quartas de final será conhecido será o Palmeiras rque goleou o Cerro Porteño no Allianz Parque. 

O Atlético volta a campo agora pelo Campeonato Brasileiro. No domingo (10), recebe o São Paulo, no Mineirão, pela 16ª rodada. Depois, o clube mineiro tem outra decisão. Na quarta-feira, dia 13, encara o Flamengo no Maracanã pela partida de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. No duelo de ida, o Galo venceu por 2 a 1.

Furacão se classifica no final

O jovem Rômulo, da base do Furacão, foi eleito o melhor em campo em Assunção (Foto: José Tramontin/athletico.com.br)
O jovem Rômulo, da base do Furacão, foi eleito o melhor em campo em Assunção (Foto: José Tramontin/athletico.com.br)

O Athletico empatou em 1 a 1 com o Libertad, na noite de terça-feira (5), no Defensores Del Chaco, e avançou para as quartas de final da Libertadores. Roque Santa Cruz marcou um golaço nos acréscimos da primeira etapa, mas Rômulo foi o herói e fez o gol da classificação no fim da segunda etapa. O Furacão não passava das oitavas da Liberta desde 2005. Agora, o time rubro-negro jogará contra o vencedor de Fortaleza ou Estudiantes.

As quartas de final estão previstas de 2 a 4 de agosto (ida) e 9 a 11 de agosto (volta). A equipe de melhor campanha decide em casa. Pelo Brasileirão, o Athletico volta a campo contra o Goiás no sábado (9), nem Goiânia, pela 16ª rodada do Brasileirão. O Furacão é o vice-líder, com 27 pontos.

Classificação corintiana na raça!

Cássio e Gil, heróis da classificação corintiana em La Bombonera, comemoram (Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians)
Cássio e Gil, heróis da classificação corintiana em La Bombonera, comemoram (Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians)

O Corinthians está nas quartas de final da Libertadores da América. Depois de mais um empate por 0 a 0 no tempo normal, agora na Bombonera, o Timão foi carregado por Cássio na decisão por pênaltis, vencida por 6 a 5. O goleiro pegou dois pênaltis e ainda viu Benedetto, que perdeu um no primeiro tempo, chutar na arquibancada. O atacante do Boca, aliás, teve mais duas chances incríveis no jogo, mas desperdiçou. E o Corinthians, remendado e com os “miúdos” de Vítor Pereira, fez uma partida heroica, se defendendo na maior parte do tempo e com muita concentração nas penalidades. O Timão consegue uma classificação épica na temida Bombonera, dez anos depois do seu primeiro e único título da Libertadores. Sinais? Quem sabe…

O Corinthians repetiu nesta terça-feira, na Argentina, um feito que somente o Santos de Pelé, entre os times brasileiros, fez: eliminar o Boca na Bombonera. 

Nas quartas de final, o Corinthians encara o Flamengo, que que goleou o Deportes Tolima da Colômbia, no Maracanã.

O Corinthians volta a campo no domingo (10), justamente contra o Flamengo, na Neo Química Arena, em São Paulo, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Na quarta-feira da semana que vem, dia 13, o Timão tem desafio contra o Santos, na Vila Belmiro, pelo jogo de volta das oitavas da Copa do Brasil. No jogo de ida, vitória por 4 a 0.

O Verdão está voando!

Rony, maior artilheiro do Verdão na Liberta, fez um golaço de bicicleta (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)
Rony, maior artilheiro do Verdão na Liberta, fez um golaço de bicicleta (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

O Palmeiras confirmou o favoritismo e avançou às quartas de final da Libertadores da América diante de 37.431 torcedores, que proporcionaram uma renda de R$ 2.986.884,55. Na quarta-feira (6), no Allianz Parque, o Verdão goleou o Cerro Porteño por 5 a 0, com gols de Samudio (contra), Rony (duas vezes, um sendo com a tão sonhada bicicleta), Breno Lopes e Gustavo Gómez, e eliminou o time paraguaio. No jogo de ida das oitavas de final, em Assunção, a equipe de Abel Ferreira já tinha vencido por 3 a 0 e aberto vantagem. O técnico português iniciou com um time misto, depois colocou mais titulares e terminou mesclando bastante a equipe, após a vaga mais do que sacramentada. De novo, com boa atuação, o Palmeiras reforça o rótulo de forte candidato ao título, que seria, no caso, o quarto na história e o terceiro seguido.

Na próxima fase da Libertadores, o Palmeiras vai enfrentar o Atlético-MG, que eliminou o Emelec, na última terça-feira. No ano passado, paulistas e mineiros fizeram a semifinal do torneio, e o Verdão levou a melhor. As quartas de final serão nas semanas dos dias 3 e 10 de agosto.

O Palmeiras volta a campo no domingo (10), contra o Fortaleza, no Castelão, pela 16ª rodada do Brasileirão, campeonato do qual é líder. Depois, no dia 14 de julho, o Verdão recebe o São Paulo no Allianz Parque, pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. Na partida de ida, no Morumbi, derrota por 1 a 0.

Recital no Maracanã

Mais do que confirmar seu favoritismo, o Flamengo fez sua torcida sair do Maracanã de alma lavada. Com quatro gols de Pedro, a equipe venceu por 7 a 1 o Tolima, na quarta-feira (6), no Maracanã, e confirmou sua classificação para as quartas de final da Libertadores. Quiñones (contra), Gabigol e Matheus França completaram o placar para o Rubro-Negro.

Na próxima fase o Flamengo vai enfrentar o Corinthians, repetindo o confronto das oitavas de final da Libertadores de 2010. Antes, o Flamengo joga pelo Brasileirão contra o próprio Corinthians neste domingo, em São Paulo. Em seguida recebe o Atlético-MG no Maracanã, pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

Se Pedro precisava de uma atuação se firmar, já não precisa mais. Com quatro gols, o atacante foi o grande destaque da goleada do Flamengo sobre o Tolima. Além de colocar a bola na rede, participou em outras jogadas de gol e entrou para a história do Flamengo na Libertadores.

Pouco depois de desembarcar no Rio de Janeiro, Vidal foi ao Maracanã assistir ao jogo entre Flamengo e Tolima. Torceu, vibrou com os gols e filmou a torcida rubro-negra. O meio-campo chileno vai assinar contrato com o clube nos próximos dias e não poderia ter chegado numa noite melhor.

Classificação heroica do Inter

O gol de Pedro Henrique selou a classificação colorada (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)
O gol de Pedro Henrique selou a classificação colorada (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)

Foi uma noite emocionante e histórica em Porto Alegre na terça-feira (5). Com o apoio de 40 mil torcedores, o Internacional goleou o Colo-Colo, de virada, por 4 a 1 (gols de Edenilson, Alan Patrick, Alemão e Pedro Henrique e de Gabriel Costa para o adversário), e garantiu vaga nas quartas de final da Sul-Americana. A mobilização iniciou horas antes da bola rolar. A torcida colorada protagonizou “as ruas de fogo” nas imediações do estádio Beira-Rio. O ambiente de confiança reacendeu a chama na relação entre time e torcida.

O Inter está classificado para as quartas de final da Sul-Americana para enfrentar o Melgar-PER, que que derrotou o Deportivo Cali por 2 a 1, no Estadio Monumental Virgen de Chapi. 

Os jogos pelas quartas de final da Sul-Americana estão agendados para a primeira semana de agosto. O Inter volta a campo na próxima segunda-feira (11), no estádio Beira-Rio, contra o América-MG, pela 16ª rodada do Brasileirão. O Colo-Colo recebe no domingo (10), o La Serena, pela 17ª rodada do campeonato chileno.

Ceará 100%!

Jogadores do Ceará comemoram o gol de Victor Luís na vitória sobre o time boliviano (Foto: Felipe Santos/cearasc.com)
Jogadores do Ceará comemoram o gol de Victor Luís na vitória sobre o time boliviano (Foto: Felipe Santos/cearasc.com)

De forma sensacional, com festa e mosaico, o Ceará venceu o The Strongest por 3 a 0, na noite de quarta-feira (6), na Arena Castelão, com appoio de ais de 40 mil torcedores alvinegros, e está classificado para as quartas de final da Sul-Americana. Os gols foram marcados por Richardson, Victor Luís e Lima. Assim, ficou 5 a 1 no placar agregado. 

Por avançar, o Ceará ganha mais R$ 3,2 milhões. Com primeira fase e classificação às oitavas, o Ceará já recebeu R$ 7,4 milhões. Mirando o adversário. Com a vitória, o Ceará manteve a campanha histórica na Sul-Americana, com oito vitórias em oito jogos. O adversário do Vozão nas quartas provavelmente será o São Paulo que jogou contra o Universidad Católica, no Morumbi, em São Paulo, na quinta-feira (7). No jogo de ida, o Tricolor Paulista venceu por 4 a 2 e abriu boa vantagem.

Gabriel Sara deve ir para o Norwich, da Inglaterra

Gabriel Sara pode deixar o São Paulo ainda sob recuperação clínica (Foto: Divulgação Adidas)
Gabriel Sara pode deixar o São Paulo ainda sob recuperação clínica (Foto: Divulgação Adidas)

O São Paulo e o meia Gabriel Sara já aceitaram a proposta do Norwich, da segunda divisão da Inglaterra. O acordo deve ser selado nos próximos dias e depende de detalhes burocráticos e de exames médicos do atleta.

O negócio deve render 11 milhões de euros (quase R$ 60 milhões) ao São Paulo, clube que formou o meia de 23 anos.

O meia fez seu primeiro jogo pelo time profissional em 2017, contra o Bahia, no Brasileiro, mas só em 2019 se foi promovido definitivamente ao elenco principal, onde fez 114 jogos e 17 gols.

Ele foi muito importante em 2020, sob o comando de Fernando Diniz, na campanha em que o São Paulo quase venceu o Brasileiro. Depois, com Hernán Crespo, ajudou o time a vencer o Paulista e encerrar um jejum de oito anos sem títulos. Na atual temporada, sofreu com lesões e fez só 15 partidas.

Benfica anuncia zagueiro João Victor, ex-Corinthians

João Victor, ex-Corinthians, assina com o Benfica até 2027 (Foto: Reprodução/Benfica)
João Victor, ex-Corinthians, assina com o Benfica até 2027 (Foto: Reprodução/Benfica)

O Benfica anunciou a contratação do zagueiro João Victor, ex-Corinthians. O jogador, de 23 anos, assinou com a equipe portuguesa até 2027. Ele se despediu do Timão na última terça-feira (5), após ser titular na classificação contra o Boca Juniors, pelas oitavas de final da Libertadores.

O Corinthians receberá oito milhões de euros (R$ 44 milhões na cotação atual) pelos 55% dos direitos que tinha do jogador. O Coimbra, clube dirigido pelo banco BMG, vendeu 25% dos direitos e manteve 20%.

Nadal desiste da semi de Wimbledon por lesão

Nadal perde a oportunidade de conquistar o Torneio de Wimbledon em 2022 (Foto: atptour.com)
Nadal perde a oportunidade de conquistar o Torneio de Wimbledon em 2022 (Foto: atptour.com)

O tenista Rafael Nadal desistiu da semifinal de Wimbledon por causa de uma lesão no músculo abdominal. Com isso, Nick Kyrgios avança diretamente para a decisão, a primeira vez que o australiano faz uma final de Grand Slam na carreira.

“Eu não quero entrar na quadra e não ser competitivo o suficiente para jogar o meu melhor. A coisa mais importante para mim é a felicidade, e não um título”, afirmou o tenista espanhol.

O espanhol entrou para as quartas de final contra Taylor Fritz já com o problema e precisou de atendimento durante a partida. Apesar das dores fortes, relatadas por ele mesmo, venceu por 3 sets a 2, em um jogo com duração de 4h20.

Exames de imagem feitos na quinta-feira (7) detectaram uma ruptura de 7mm no músculo abdominal. Apesar do problema, o espanhol ainda pretendia jogar, segundo o jornal Marca. Porém, após treinar na parte da manhã, Nadal convocou uma coletiva de imprensa e anunciou a desistência.

O W.O. de Nadal rendeu a Nick Kyrgios a vaga na decisão de Wimbledon. Essa é a primeira vez que o polêmico tenista australiano faz uma final de simples em um Grand Slam. O melhor resultado anterior havia sido uma vaga nas quartas do Australian Open, em 2015.