Acidente na via Palmetto Expressway deixa cinco mortos e um ferido

As vítimas foram atingidas por um veículo que estava na contramão

0
1275
O acidente provocado por Maiky Simeon deixou cinco mortos e ele está em estado crítico no hospital (Foto: NBC Miami)
O acidente provocado por Maiky Simeon deixou cinco mortos e ele está em estado crítico no hospital (Foto: NBC Miami)

Quatro mulheres e um homem morreram e uma outra pessoa ficou em estado crítico após um acidente na via Palmetto Expresway na manhã de sábado (20), disseram autoridades do Corpo de Bombeiros de Miami-Dade.

O incidente ocorreu por volta das 4:30 am ao longo da Palmetto, perto da Northwest 57th Avenue. O Corpo de Bombeiros chegou ao local pouco depois.

Um homem em um sedã Infiniti prata estava viajando no sentido leste nas pistas do sentido oeste quando colidiu de frente com um sedã Honda cinza que transportava quatro mulheres e um homem, disse a Patrulha Rodoviária da Flórida.

A Patrulha Rodoviária da Flórida identificou Maiky Simeon, de 30 anos, como o motorista que estava dirigindo na contramão e está pedindo mais informações sobre o que ele estava fazendo antes do acidente.

Segundo o FHP, um total de quatro mulheres e um homem estavam na Honda. Todos morreram no local em decorrência da colisão.

“Nossas equipes tiveram de usar ferramentas especiais para retirar uma vítima que estava presa no veículo”, disse Marc Chavers, chefe da divisão de resgate de bombeiros de Miami-Dade. “Infelizmente, no outro veículo não havia ninguém vivo para ser salvo.”

A equipe de resgate disse à NBC 6 que Simeon foi levado para o Ryder Trauma Center e estava em estado crítico.

O homem de Miami Gardens apontado por policiais estaduais como o causador do acidente de sábado na Palmetto Expressway que matou cinco pessoas perdeu sua carteira de motorista em 2014 por dirigir a 109 milhas por hora, segundo os registros judiciais.

Essa multa no condado de Collier não seria a última condenação por infração de trânsito de Maiky Simeon, mas é a que causou a suspensão da licença por não pagamento de multas. Registros informam que Simeon ainda deve $582 da multa de trânsito ao condado de Collier.

A Patrulha Rodoviária da Flórida confirmou no domingo (21) que Simeon estava dirigindo com uma carteira de motorista válida.