Imigração Notícias

Colombiana em estado terminal faz apelo a Biden por visto humanitário para familiares

Visto humanitário aos pais da paciente foi concedido apenas dias após as imagens se tornarem virais; não é possível afirmar se o presidente viu a gravação

Paula Durante gravou a mensagem ao presidente da cama do hospital (foto: Screenshot Instagram)

Depois gravar uma mensagem ao presidente Joe Biden pedindo para sua família visitá-la nos Estados Unidos, a colombiana Paula Dúran, que sofre de um câncer terminal, obteve a permissão. Dúran, de 27 anos, mora em Concord, na Califórnia. No vídeo, ela faz um apelo para a concessão de vistos humanitários para que possa se despedir dos seu pai e sua mãe.

Não se sabe se as imagens interferiram na decisão das autoridades de imigração, nem se o presidente Biden viu a gravação. Entretanto, o marido de Paula, Sergio Veja, disse ao canal Univision que a aprovação veio dias após as imagens se tornarem virais.

Paula foi diagnosticada ano passado com câncer no cérebro e no estômago, pouco antes de dar à luz. O bebê nasceu saudável, mas seu estado de saúde deteriorou rapidamente. Da cama do hospital em que está internada, ela gravou o mensagem endereçada a Biden, que foi postado no Instagram: Olá, senhor presidente, senhor Biden. Quero pedir antecipadamente que meus pais e meus sogros possam vir aqui nos Estados Unidos para que eu possa contar com o apoio deles, muito obrigada”, diz Paula, adicionando: “Senhor presidente, saudações à sua esposa, a primeira-dama, e a todos os seus entes queridos. Deus os abençoe”, finaliza.

Apesar de ter pedido a liberação de entrada de outros familiares, apenas os pais da pacientes foram autorizados a viajar ao país americano.

Baixe nosso aplicativo