Começa o julgamento dos assassinos do brasileiro que foi espancado até a morte na Inglaterra

Caso aconteceu em Londres, onde trabalhava como motorista para o Uber Eats

0
2796
Iderval Da Silva foi morto covardemente ao tentar proteger sua moto (Foto: Metropolitan Police)
Iderval Da Silva foi morto covardemente ao tentar proteger sua moto (Foto: Metropolitan Police)

O brasileiro Iderval da Silva era motorista do Uber Eats em Londres – e foi justamente tentando proteger o seu veículo de trabalho que ele morreu em maio deste ano. Os acusados são adolescentes que tentavam roubar a moto de Iderval e que espancaram o brasileiro até a morte. O grupo está sendo julgado e alguns deles podem pegar prisão perpétua.

Dentre os cinco agressores, dois deles são maiores de idade: Jasire Frazer, 18 anos, e Jaden Richards, de 19. Os outros, no entanto, não puderam ter os nomes revelados porque são menores. Já Iderval era praticante de artes marciais, mas as agressões causaram lesões cerebrais sérias. “Foi uma explosão momentânea de violência de curta duração”, descreveu o promotor no julgamento.