Brasileiro morre de infarto em Indiana; corpo foi levado para o Brasil

Fernando Rudolpho estava nos EUA há pouco mais de dois meses quando sofreu um infarto fulminante; ele deixou quatro filhos

0
2082
Fernando Rudolpho sofreu infarto nos EUA
Fernando Rudolpho sofreu infarto nos EUA

O corpo do brasileiro Fernando Rudolpho, de 41 anos que morreu nos Estados Unidos em dezembro após sofrer um infarto fulminante, chegou ao Brasil para ser velado e enterrado pela família em Campo Limpo Paulista, no interior de São Paulo. Por meio do GoFundMe foram arrecadados $13.600. As informações são do G1.

Fernando estava há dois meses nos EUA e morava em South Bend, Indiana. Em entrevista ao G1, a irmã da vítima contou que ele tinha planos de levar a família para lá, mas somente depois que estivesse estabilizado no país.

A vítima era casada, tinha quatro filhos na cidade do interior de São Paulo e havia viajado em busca de trabalho. De acordo com a irmã dele, Fernando não tinha problema grave de saúde e fez um check-up antes de viajar.

De acordo com a família, o corpo de Fernando chegou ao Brasil na segunda-feira (7) depois de ficar mais de um mês no Instituto Médico Legal em Indiana.

O laudo apontou que as causas da morte de Fernando foram uma micro arritmia cardíaca, um infarto fulminante e um Acidente Vascular Cerebral (AVC), segundo a família.

“Por um lado, é aquela dor da espera, de finalmente poder enterrá-lo. Por outro, é o momento em que a ficha começa a cair. Até o momento parecia que ele estava viajando, agora vem a dor da despedida”, explica Dolma Rudolpho, irmã de Fernando.

Segundo o texto publicado em um site para tentar angariar fundos, a morte ocorreu na tarde de segunda-feira (3). No dia, Fernando chegou a receber atendimento, mas não resistiu.