Cultura e negócios unem São Paulo e Flórida

0
1316

São Paulo é o estado brasileiro de maior poderio econômico. Flórida é o maior parceiro comercial do Brasil. Juntos respondem por grande parte do movimento comercial entre Brasil e Estados Unidos. Estas duas potências estarão representadas por agentes culturais, empresários e autoridades – entre elas, os governadores Geraldo Alckmin, de São Paulo, e Jeb Bush, da Flórida.

O evento, organizado pelo Broward Center for the Performing Arts, tem um toque criativo: une negócios e cultura numa feliz simbiose que serve para aproximar ainda mais os parceiros globalizados.

Durante dois dias – 10 e 11 de março -, os participantes se reúnem na Nova Southern University (NSU) no Fórum de Negócios, onde serão discutidos tópicos ligados ao aprimoramento dos relacionamentos comerciais entre os dois estados – e, num conceito mais amplo, entre os dois países.

Os palestrantes são figuras importantes no cenário binacional. Além de Bush e Alckmin, destaque para o embaixador do Brasil nos Estados Unidos, Roberto Abdenur, o cônsul geral do Brasil em Miami, João Almino, e a ex-embaixadora dos EUA no Brasil, Donna Hrinak.

Evento ousado – O presidente do Broward Center for the Performing Arts, Mark Nerenhausen, está entusiasmado com a proposta do evento. Ele afirma que a arte significa um poderoso meio para se atingir um objetivo mais abrangente. Embora seja um centro dedicado à arte, Nerenhausen está consciente de que negócios e manifestações artísticas interligam-se para fundir-se numa alternativa inovadora, que trará bons resultados para todos.

E em sua opinião o Focus Brazil 2005 encaixa-se perfeitamente neste conceito. “Trouxemos a estréia do Jobim Sinfônico, com obras orquestradas do mais famoso compositor brasileiro, Antonio Carlos Jobim, que serve como corolário de um evento de desenvolvimento econômico. Além do mais, Fort Lauderdale é sede de grandes empresas brasileiras, como a Embraer, a terceira maior fabricante de aviões do mundo. Queremos que a comunidade local saiba que os negócios brasileiros que estão aqui motivaram a idéia deste fórum”, afirma Nerenhausen.

O espírito de intercâmbio entre os dois países também atraiu a NSU para o projeto. “Combinar comunidade, cultura e comércio está bem dentro da visão da nossa universidade”, enfatiza George Hanbury, vice-presidente executivo para administração da NSU.

Projeto bem elaborado – Apesar do Fórum de Negócios certamente gerar parcerias importantes que movimentarão ainda mais o comércio entre Brasil e EUA, não há dúvida de que a estréia do espetáculo Jobim Sinfônico será o ponto culminante do evento. A apresentação se realizará no dia 11 de março, às 8 da noite, no Au-Rene Theater, no Broward Center for the Performing Arts. O maestro Claudio Cruz, da Orquestra Sinfônica de Campinas, regerá a Symphony of Americas Orchestra, da Flórida, apresentando obras orquestradas de Antonio Carlos Jobim – o compositor brasileiro mais conhecido em todo o mundo. O show terá ainda a participação do vocalista Dori Caymmi, filho de Dorival Caymmi, outro ícone da MPB.

O idealizador do Projeto Jobim Sinfônico é Mario Adnet, violonista, arranjador e compositor: “Esta idéia vinha martelando na minha cabeça há sete anos. Sou fã de Jobim desde criancinha, tanto que ‘Garota de Ipanema’ foi a primeira música que aprendi a tocar”.

Daí, ele uniu-se a Paulo Jobim, músico e filho do próprio Antonio Carlos Jobim. Os dois saíram em busca de patrocínio e conseguiram ser patrocinados pelo Instituto Ibope – o primeiro projeto patrocinado pelo famoso instituto de pesquisas. O disco foi gravado em dezembro de 2002 e ganhou o Grammy Latino de 2004, na categoria clássico. A versão americana do “Jobim Sinfônico” acabou de ser lançada. Adnet revelou, ainda, que o próximo projeto deles é a gravação do “Jobim Jazz”, com grandes monstros deste ritmo.

Paulo Jobim, do Instituto Antonio Carlos Jobim, contou que o primeiro projeto foi a gravação de “Jobim Piano e Voz”. Ele explicou que o disco é um resgate da obra do maestro: “Este disco é uma fita de dois canais, com músicas da carreira dele, algumas inéditas. É uma raridade. Apenas fizemos uma pequena limpeza da fita e se tornou um documento histórico. Agora, este projeto é ainda mais grandioso”.

Quem quiser assistir o show, deve ligar para (954) 462-0222 ou acessar o website www.browardcenter.org.