Democratas da Califórnia aprovam plano de saúde para jovens indocumentados

Caso projeto seja aprovado, benefícios serão para imigrantes indocumentados com idades entre 19 e 25 anos e que comprovem baixa renda

0
1455
Nick Youngson Alpha Stock Images
Nick Youngson Alpha Stock Images

O Estado da Califórnia poderá se tornar o primeiro da nação a pagar por planos de saúde a jovens indocumentados com idades entre 19 e 25 anos. Legisladores Democratas aprovaram na tarde de domingo (9), uma emenda ao orçamento – que ainda precisa ser aprovada pela Câmara e Senado estaduais – para financiar o programa.

A ideia dos Democratas é incluir jovens de baixa renda a partir do próximo ano no Medicaid, programa do governo que financia tratamentos médicos e medicamentos a pessoas consideradas pobres ou incapacitadas para o trabalho.

O governo estima que cerca de 90 mil pessoas se enquadrem nesse perfil e o custo seria de $98 milhões por ano. “A Califórnia acredita que a saúde um direito fundamental”, disse a senadora Holly Mitchell, Democrata defensora do projeto.

Segundo o projeto, famílias de quatro pessoas que ganham até $150 mil ao ano poderão ter o direito de receber até $100 por mês para despesas médicas.

Republicanos se opuseram à proposta dizendo que não é justo onerar quem paga impostos para beneficiar quem entrou no País de forma ilegal.

A proposta do governador Gavin Newsom precisa ser aprovada por senadores e deputados para ser incluída no orçamento de 2020, que deve ser enviado até o dia 15.