Dólar opera abaixo de R$ 3,30

Moeda acompanha o bom humor nos mercados externos diante de expectativas de incentivos econômicos no resto do mundo

0
2104
Dinheiro deixará de ser entregue aos desempregados do estado a partir de 27 de junho (foto: flickr)
Dinheiro deixará de ser entregue aos desempregados do estado a partir de 27 de junho (foto: flickr)

O dólar opera em baixa nesta terça-feira (12), acompanhando o bom humor nos mercados externos diante de expectativas de incentivos econômicos no resto do mundo, mesmo após o Banco Central anunciar nova intervenção cambial para esta manhã. Na tarde desta terça-feira, a moeda estava cotada em R$ 3,2795. As informações são do G1.

O Banco Central anunciou leilão de até 10 mil swaps reversos, que equivalem à compra futura de dólares, repetindo a operação que realizou em todos os dias deste mês, exceto sexta-feira passada.

“Está cada vez mais claro que o BC é o principal comprador de dólares no mercado”, resumiu à Reuters o estrategista de um banco internacional.

“Todo o nervosismo (no exterior) que vimos no mês passado deu lugar a uma recuperação impressionante no humor, em todo o mundo. O Brasil é um dos principais beneficiados porque o mercado está dando o benefício da dúvida para o governo”, disse à agência o superintendente regional de câmbio da corretora SLW João Paulo de Gracia Corrêa.

Cenário externo

O mercado reage a esperanças de estímulos no Japão e no Reino Unido. O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, encomendou um pacote de novos estímulos econômicos para até o fim deste mês. Já o presidente do Banco da Inglaterra, Mark Carney, sinalizou novamente mais estímulos nesta terça-feira.

O arrefecimento das turbulências políticas no Reino Unido após a ascensão de Theresa May ao cargo de primeira-ministra também contribuía para sustentar a tendência de queda do dólar.