Dono do Patriots é acusado de contratar serviços de prostitutas na Flórida

Robert Kraft, o todo poderoso do time de futebol americano, é acusado de solicitar e contratar serviços de prostitutas em Jupiter (FL)

0
2822
Robert Kraft foi acusado de solicitar serviços de prostituas na FL
Robert Kraft foi acusado de solicitar serviços de prostituas na FL

Nos Estados Unidos, a profissão mais antiga do mundo é crime. Em uma operação realizada esta semana, a polícia prendeu a proprietária do Orchids of Asia Day Spa e teve acesso a uma lista de pelo menos 25 nomes que solicitaram os serviços de prostitutas, incluindo o de Robert Kraft, bilionário dono do New England Patriots.

De acordo com a polícia, Kraft será notificado sobre as acusações por meio de uma correspondência. Caso ele esteja fora do condado de Palm Beach, ele poderá receber uma ordem de prisão. Os policiais identificaram o empresário em um vídeo apreendido no spa.

O time de propriedade de Kraft ganhou o último Super Bowl no início deste mês. A fortura do empresário é estimada em $6.6 bilhões.

Operação no spa

A proprietária do spa Orchids of Asia foi presa por oferecer mulheres para prostituição e tráfico humano na cidade de Jupiter (FL). Hua Zhang, de 58 anos, foi flagrada em vídeos apreendidos pela polícia em atos sexuais com homens em troca de dinheiro. Outras duas mulheres foram presas.

A polícia também teve acesso às contas bancárias do estabelecimento.

Outros 11 homens foram detidos por contratarem prostitutas no local, que em seu website oferecia serviços de massagem e estéticos. A investigação durou pelo menos oito meses.