Em meio ao impasse sobre o muro, Trump vai visitar a fronteira quinta-feira (10)

Paralisação do governo já dura 16 dias, pois não há consenso entre Democratas e Republicanos sobre dinheiro para construção do muro

0
1779
Trump vai vistar a fronteira nos próximos dias
Dinheiro seria utilizado para amenizar crise humanitária na fronteira

O presidente Donald Trump anunciou nesta segunda-feira (7) que vai visitar a fronteira do México com os Estados Unidos na quinta-feira (10) em meio ao impasse sobre a construção do muro, que paralisou parcialmente o governo desde o dia 22 de dezembro.

Trump quer a aprovação de $6 bilhões para a construção do muro, mas os Democratas não querem aprovar a liberação do dinheiro para este fim.

Segundo a Casa Branca, Trump vai encontrar com agentes da patrulha de fronteira e ‘ver de perto a crise humanitária’, escreveu Sarah Sanders, assessora de imprensa de Trump.

A presidente da Câmara dos Deputados, a democrata Nancy Pelosi já avisou que não vai liberar ‘nem um dólar’ para a construção do muro. Trump ameaçou deixar o governo fechado por meses ‘quem sabe anos’.

População sente o efeito do shutdown

Milhares de funcionários do governo federal estão sem receber há três semanas e a população já começa a sentir os efeitos da paralisação. Funcionários da segurança dos aeroportos – Transportation Security Administration – estão trabalhando sem receber e muitos não estão indo trabalhar por falta de pagamento.  A segurança nos aeroportos já começa a ser afetada, as filas estão maiores e a situação pode piorar se o governo não voltar ao normal.

Parques nacionais estão fechados e podem se deteriorar com o passar dos dias. Processos em tribunais de imigração também estão se acumulando.