Imigração prende fugitivo brasileiro procurado por estupro de menor

Thomas Francis Donschat tinha mandado de prisão emitido pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina

0
4259
Thomas Francis Donschat foi preso por oficiais do ICE e do ERO Baltimore em 23 de junho (Foto: ERO Baltimore)
Thomas Francis Donschat foi preso por oficiais do ICE e do ERO Baltimore em 23 de junho (Foto: ERO Baltimore)

Oficiais de deportação do Serviço de Imigração e Alfândega dos Estados Unidos (ICE)  e das Operações de Remoção (ERO) de Baltimore prenderam um brasileiro procurado por abusar sexualmente de uma menina de 13 anos no Brasil. O ERO levou Thomas Francis Donschat, de 29 anos, sob custódia, no dia 23 de junho em Rockville, Maryland.

“Esta prisão é uma vitória significativa para o ICE e para o ERO Baltimore e nossos parceiros de cumprimento da lei”, disse Lyle Boelens, diretor do Escritório de Campo do ERO Baltimore. “Donschat fugiu da justiça e tentou escapar da captura escondendo-se nos Estados Unidos. Sua prisão deve servir como lembrete para os indivíduos que acreditam que a justiça não tem fronteiras.”

O Tribunal de Justiça de Santa Catarina emitiu um mandado de prisão para Donschat em junho de 2020, devido à sua acusação de estupro de vulnerável (menor de 13 anos). A Polícia Federal do Brasil solicitou assistência na apreensão de Donschat.

Donschat entrou nos Estados Unidos em data e local desconhecidos sem ser inspecionado, admitido ou sob documento de liberdade condicional emitido por um oficial de imigração.

Em 15 de junho, o ERO Baltimore recebeu informações do ICE sobre o paradeiro de Donschat. Em 23 de junho, o ERO Baltimore prendeu Donschat e emitiu uma Notificação para Comparecimento (NTA), Formulário I-862 de acordo com a Seção 212(a)(6)(A)(i) da Lei de Imigração e Nacionalidade (INA). Donschat permanecerá sob custódia do ERO até o resultado final de seu processo de remoção.

No ano fiscal (FY) 2021, o ERO prendeu 12,025 indivíduos com condenações criminais graves. Os crimes associados a não cidadãos presos no ano fiscal de 2021 incluíram 1,506 crimes relacionados a homicídios, 3,415 agressões sexuais, 19,549 agressões, 2,717 roubos e 1,073 sequestros.

O público pode denunciar crimes e atividades suspeitas ligando para 1-866-347-2423 ou preenchendo o formulário de denúncia https://www.ice.gov/webform/ice-tip-form.