Escola gratuita em Boca Raton terá português como segundo idioma

Matrículas estão abertas para a primeira charter school que integra a comunidade brasileira em Palm Beach County

0
8182
Escola gratuita em Boca Raton está com inscrições abertas (Foto ilustrativa da Olympus International Academy)
Escola gratuita em Boca Raton está com inscrições abertas (Foto ilustrativa da Olympus International Academy)

Ótima notícia para os pais brasileiros que vivem no condado de Palm Beach, no Sul da Flórida: estão abertas as inscrições para a mais nova escola gratuita – do kindergarten ao 8th grade – que tem o português como segundo idioma. As aulas terão início no dia 12 de agosto e, para este ano, estarão disponíveis 220 vagas.

Em parceria com a já conhecida Fundação Vamos Falar Português (VFP), a Olympus International Academy foi criada para preencher uma lacuna, trazendo o ensino americano gratuito e tendo a cultura brasileira como pano de fundo. Para se inscrever, basta o aluno morar dentro do condado, independentemente do zip code.

“Os brasileiros que vivem na região de Palm Beach precisavam de uma escola que atendesse aos seus interesses. O ensino é todo em inglês, mas a cultura brasileira estará sempre presente na comemoração de datas importantes e o português será ensinado como um segundo idioma”, comenta uma das coordenadoras da escola, a brasileira Patricia Aguiar.

A Olympus Academy é uma charter school – escola pública com administração privada – localizada na West Palmetto Park Road, em Boca Raton, bem perto de onde vive boa parte da comunidade brasileira no Sul da Flórida. Trata-se de um modelo de gestão compartilhada, instituído por um contrato (“charter”) entre o governo e uma instituição privada.

Segundo a coordenadora, até o final do mês todas as 220 vagas já deverão ter sido preenchidas. As matrículas são garantidas por ordem de inscrição. No próximo ano, outras 120 vagas serão disponibilizadas.

Diferencial

A Olympus International Academy terá como ponto alto o foco no esporte de alto rendimento. Isso quer dizer que alunos que tenham talento para o futebol, tênis e golfe poderão, no futuro, conseguir uma bolsa integral na universidade.

A escola terá à disposição dos alunos quadras de tênis, campos de golfe e futebol, piscina e playground.  Essas atividades serão realizadas durante o after school.

Como nasceu o projeto

O projeto da charter school tendo o português como segundo idioma nasceu da ideia de criar uma escola que atendesse à comunidade brasileira dentro de um contexto de uma educação globalizada. Para a presidente da Fundação Vamos Falar Português (VFP), Cristiane Martins, a concretização do projeto da escola é um sonho realizado. “A VFP solicitou junto ao Distrito Escolar a aprovação da escola, em um processo muito rigoroso e difícil que teve início em 2016. No ano passado, recebemos a autorização, mas levamos quase um ano para achar o lugar ideal, agora estamos prontos para começar”, conta Cristiane.

A VFP terá um núcleo dentro da Olympus e desenvolverá o currículo em português da escola, bem como outras atividades extracurriculares.

Open house

A escola estará aberta para os pais e interessados que queiram saber mais informações nos dias 9, 16, e 29 de junho entre 1pm e 3 pm. Profissionais integrantes do projeto estarão à disposição da comunidade para tirar dúvidas.

Matrículas e informações: www.oi.academy