Estado que mais executa prisioneiros nos EUA se aproxima de abolir pena de morte

    0
    386

    A Virginia – estado que mais executou prisioneiros na história dos EUA – deu um importante passo para abolir a pena capital em seu território.

    Na sexta-feira (5), a Câmara de Deputados, de maioria Democrata, aprovou por 57 votos a favor e 41 contra o projeto de lei que pode pôr um fim à prática no estado.

    “Hoje, nossa Comunidade deu um passo histórico para tornar nosso sistema de justiça criminal mais justo”, disse a House Speaker, Eileen Filler-Corn, em um comunicado.

    De acordo com o Death Penalty Information Center, cerca de 1.390 pessoas foram executadas na Virgínia desde 1.608, quando ocorreu a primeira execução.

    Na quarta-feira (3) o Senado estadual aprovou um projeto de lei relacionado à pena de morte, mas com uma formulação diferente.

    Para que a decisão de encerrar este tipo de sentença seja oficializada, os dois projetos devem convergir e, então, ser enviado para sanção do governador Ralph Northam, do partido Democrata, que já se posicionou favorável a eliminação da pena capital.

    O último presidiário condenado à morte na Virgínia foi William Morva em 2017.

    Se o projeto que elimina a sentença for sancionado, as penas dos dois prisioneiros serão convertidas em prisão perpétua.