EUA compram todas as vacinas contra Covid-19 da Pfizer e BioNTech previstas para 2020

Para garantir a compra das 100 milhões de doses previstas para este ano, os EUA vão desembolsar $ 1,95 bilhão, que serão pagos após a aprovação do medicamento pela agência de controle americana

0
1000
Cerca de dois mil residentes do Sul da Flórida serão recrutados (Foto: Rawpixel)
Cerca de dois mil residentes do Sul da Flórida serão recrutados (foto: Rawpixel)

 Em comunicado oficial, as farmacêuticas Pfizer e BioNTech informaram que o governo americano fechou a compra de 100 milhões de doses da vacina contra a covid-19, ou seja, todas as doses que as duas empresas irão produzir este ano. Para garantir o negócio, os EUA vão desembolsar $ 1,95 bilhão, que serão pagos após a aprovação da profilaxia pela Agência de Alimentos e Drogas dos EUA (FDA, na sigla em inglês).

“Temos o prazer de ter assinado este importante acordo com o governo dos EUA para fornecer as doses iniciais após a aprovação, como parte de nosso compromisso de enfrentar a ameaça global à saúde. Este acordo é um dos muitos passos para fornecer acesso global a vacinas seguras e eficazes para o COVID-19. Nosso objetivo continua sendo levar a vacina para muitas pessoas ao redor do mundo, o mais rápido possível ”, disse Ugur Sahin, MD, CEO e cofundador da BioNTech.

Para o ano que vem, está prevista a produção de  mais de 1,3 bilhão de doses do medicamento que devem ser entregues ao resto do mundo.

Recentemente, Pfizer e BioNTech anunciaram resultados positivos nos estudos de uma vacina que desenvolvem juntas. Se os estudos em andamento continuarem bem-sucedidos, as farmacêuticas devem solicitar autorização de uso de emergência ou alguma forma de aprovação regulatória para uso da vacina até outubro deste ano.