EUA vão exigir informações de mídias sociais para quem pedir visto

Departamento de Estado divulgou medida que exige dos requerentes de vistos de imigrante e não-imigrante que forneçam seu nome de usuário nas mídias sociais, como Facebook, Instagram e Twitter, além de números de telefone e e-mail

0
4408

O Departamento de Estado vai exigir que todos os estrangeiros que buscam um visto para os Estados Unidos forneçam seu nome de usuário nas mídias sociais, além de seus endereços de email e números de telefone. A exigência é a mais recente de uma série de medidas baixadas pelo governo Trump para aumentar a vigilância sobre quem entra nos Estados Unidos.

Os novos formulários de requisição de visto contendo a exigência já foram divulgados pelo Departamento. Em nota, o Departamento afirmou que os novos formulários vão exigir informações adicionais, incluindo “identificadores de mídias sociais”. A medida, aprovada em março de 2018, vai afetar os cerca de 15 milhões de estrangeiros que buscam um visto de entrada nos Estados Unidos anualmente.

“A segurança nacional é nossa prioridade na hora de conceder vistos, e todo o visitante ou imigrante que viajar para os Estados Unidos passará por uma rigorosa triagem”, diz ainda a nota do Departamento. “Estamos trabalhando continuamente para adotar mecanismos que melhorem os nossos processos de vigilância de forma a proteger os cidadãos americanos, ao mesmo tempo que apoiamos os métodos legítimos de entrada [no país]”, conclui o comunicado.

Mídias sociais, endereços de e-mail e números de telefone até hoje eram só exigidos de visitantes sujeitos a verificação extra, como é o caso de pessoas oriundas de áreas próximas ou controladas por organizações terroristas, cerca de 65 mil pessoas por ano.

A nova regra aplica-se a praticamente todos os requerentes de visto, imigrantes e não-imigrantes. O Departamento estima que a mudança afetará cerca de 710 mil requerentes de vistos de imigrante e 14 milhões de vistos de não-imigrante. incluindo os que vêm para os EUA como turistas, a negócios ou estudos.

O  novo formulário de requerimento lista uma série de mídias sociais, e o requerente deverá dizer se faz ou fez parte de alguma nos últimos cinco anos. Haverá uma opção para incluir outras mídias sociais que não façam parte da lista.

Além do histórico das mídias sociais, o requerente deverá fornecer os números de telefone usados nos últimos cinco anos, endereços de e-mail, registro de viagens internacionais e prévias deportações (caso houver), assim como qualquer atividade com relação ao terrorismo.

Os requerentes de certos tipos de visto diplomático e vistos oficiais estarão isentos da exigência.