Falha técnica em parque aquático deixa 44 feridos na China

O incidente foi causado por um corte de energia que danificou equipamentos eletrônicos na sala de controle do ‘tsunami’

0
796
Cinco vítimas ainda estão internadas (Foto: Reprodução Youtube)
Cinco vítimas ainda estão internadas (Foto: Reprodução Youtube)

Um “tsunami” deixou 44 feridos no parque aquático Yulong Shuiyun na cidade de Longjing, na China. Os turistas se divertiam em uma piscina de ondas quando grandes ondas surgiram e atingiram os banhistas.

Inicialmente, afirmou-se que um funcionário do parque teria definido erroneamente o nível de ondulação na configuração máxima. Mas, segundo o periódico South China Morning Post, provavelmente houve um problema de energia na sala de controle da atração. Em um vídeo registrado por banhistas que estavam fora da piscina, é possível perceber a gravidade do acidente.

“De acordo com os estágios iniciais da investigação, o incidente foi causado por um corte de energia que danificou equipamentos eletrônicos na sala de controle do ‘tsunami’ [apelido da atração], o que levou as ondas a se tornarem grandes demais e ferirem as pessoas”, afirmou em comunicado as autoridades de Longjing.

O China Daily informou que o incidente ocorreu na tarde de segunda-feira (29), e 39 dos turistas feridos receberam alta dos hospitais locais até às 5pm do dia seguinte. Também segundo a agência, outras cinco pessoas permanecem internadas devido a fraturas nas costelas e nos pés.