Falso dentista é preso na Flórida depois de arrancar dentes de pacientes sem anestesia

Homem cobrava preços que não condiziam com o mercado, o que levantou a suspeita

0
9141
Dentista foi preso por falso exercício da profissão
Dentista foi preso por falso exercício da profissão

Um morador de Palmetto (FL) foi preso na última semana por exercício ilegal da profissão. Ele foi acusado por uma paciente de ter arrancado dez dentes sem anestesia, de acordo com o jornal Bradenton Herald.

Robert “Robbie” Rheinlander dizia que era recém-chegado à Flórida e, por essa razão, oferecia preços abaixo do que é normalmente cobrado no mercado.

Depois que teve os dentes extraídos, a paciente reclamou que teve muita dor e que ficaram fragmentos de dentes em sua boca. Ela e o marido, então, pesquisaram sobre o histórico profissional de Robert e descobriram que ele era um técnico em odontologia na Carolina do Sul.

De acordo com a ocorrência policial, o falso dentista também fez outros procedimentos arriscados em outros pacientes, inclusive dentaduras.

Ele foi solto após pagar fiança de $1500.