Famosos lançam ‘hino’ de protesto contra Bolsonaro

0
494

Foi lançado no sábado (17), o “Hino ao Inominável”, com letra de Carlos Rennó e música de Chico Brown e Pedro Luís. A canção é apresentada por trinta artistas brasileiros, entre eles Wagner Moura, Bruno Gagliasso e Zélia Duncan. Apesar da não citar o nome do atual presidente e candidato à reeleição, a música de 13 minutos relembra declarações de Jair Bolsonaro como quando afirmou que a Ditadura Militar (1964-1985) “tinha que ter matado 30 mil [pessoas]”, a preferência por ter um filho morto a um filho homossexual, e que não estupraria a deputada federal Maria do Rosário porque ela “não merece”.

“Feito pra lembrar, pra sempre, esses anos sob a gestão do mais tosco dos toscos, o mais perverso dos perversos, o mais baixo dos baixos, o pior dos piores mandatários da nossa história. E pra contribuir, no presente, pra não reeleição do inominável”, diz a descrição do vídeo. “Na íntegra, são 202 versos, mais o refrão, contra o ódio e a ignorância no poder no Brasil”.

Também interpretam a canção André Abujamra, Arrigo Barnabé, Caio Prado, Cida Moreira, Chico Brown, Chico César, Chico Chico, Dexter, Dora Morelenbaum, Héloa, Hodari, Jorge Du Peixe, José Miguel Wisnik, Leci Brandão, Lenine, Luana Carvalho, Marina Íris, Marina Lima, Monica Salmaso, Paulinho Moska, Péricles Cavalcanti, Preta Ferreira, Professor Pasquale, Ricardo Aleixo, Thaline Karajá e Vitor da Trindade.

Assista abaixo: