Filhote de baleia ameaçada de extinção aparece morto na Flórida

Especialistas constataram que a morte foi causada por colisão com um barco

0
786
A baleia Infinity, de 19 anos, e seu filhote fotografados em janeiro em Amelia Island, Flórida (foto: NOAA)
Baleia Infinity, de 19 anos, e seu filhote fotografados em janeiro em Amelia Island, Flórida (foto: NOAA)

Uma baleia macho de 22 pés de comprimento foi encontrada morta no sábado (13), próximo a praia Anastasia State Park, em Saint Augustine, Flórida. O mamífero de aproximadamente dois meses de idade pertence a espécie ‘right whale’, também conhecida como ‘black whale’.

O corpo da baleia foi regatado por biólogos do National Oceanic and Atmospheric Administration’s Fisheries Service (NOAA), que constataram que a morte foi provocada por choque com uma embarcação.

Segundo os especialistas, existem menos de 400 right whales em todo o Atlântico Norte e qualquer mortalidade é um sério revés para reverter a situação de extinção da espécie.

“Este é um evento muito triste”, disse Blair Mase, especialista em baleias da NOAA ao jornal Miami Herald. “Qualquer baleia conta”, lamentou.

Filhote de baleia no Anastasia State Park em Saint Augustine (foto:NOAA )

A NOAA monitora esses mamíferos e acredita que o filhote encontrado morto foi visto pela primeira vez em 17 de janeiro em Amelia Island, na Flórida. A mãe, segundo os pesquisadores, é provavelmente uma baleia de 19 anos chamada Infinity.

Eles explicaram que essas baleias nadam devagar, o que as torna suscetíveis a serem atingidas por barcos, principalmente em alta velocidade.

Right whales podem viver até 70 anos, chegar a medir até 52 pés de comprimento e podem pesar mais de 140 mil libras.