Flórida está na rota de dois novos distúrbios que se formam no Atlântico – Theta e Iota

Após a passagem da tempestade tropical Eta no último fim de semana, o National Hurricane Center monitora a formação de mais dois fenômenos que podem alterar o clima no estado

0
1282
National Hurricane Center (NHC) monitora a evolução de Theta e Iota no Atlântico

O National Hurricane Center (NHC) está monitorando dois outros distúrbios – além do Eta – que estão se formando no Atlântico com potencial de impactar a Flórida.  Caso se formem completamente, as 29ª e 30ª tempestades nomeadas da temporada 2020 serão Theta e Iota.

Segundo o NHC, a chance de um dos distúrbios observados (o ‘X’ amarelo no mapa) começar a impactar o clima no estado dentro de cinco dias é de 80%.

Isso porque ele já começa a se formar ao sul do Caribe, próximo a Cuba, e com possibilidade de percorrer um trajeto bem parecido com o do Eta.

A tempestade tropical Eta atingiu o sul da Flórida no último final de semana com ventos que chegaram a 75 mph. Mais de 30 mil pessoas ficaram sem energia, casas foram destelhadas, árvores arrancadas e os alagamentos interditaram estacionamentos e avenidas. Um homem foi hospitalizado em Lauderhill, Miami Gardes, após dirigir sobre uma área inundada próxima a um canal.

Antes de desembarcar nos EUA como tempestade tropical, Eta atravessou alguns países da América Central – El Salvador, Honduras Costa Rica, Guatemala, Panamá e Cuba – como um poderoso furacão de categoria 4.

Honduras foi o país mais atingido com 57 mortes e pelo menos oito pessoas desaparecidas até o momento, segundo as autoridades.