Furacão Harvey pode causar “inundações catastróficas” no Texas, alertam autoridades

Harvey, agora com categoria 3, é a maior tempestade a ameaçar os EUA desde Wilma, em 2005

0
4019

Meteorologistas do Centro Nacional de Furacões (NHC) alertaram hoje (25) sobre possíveis “inundações catastróficas” que o furacão Harvey pode causar ao chagar à costa central do Texas no final da noite de sexta ou na madrugada de sábado.

De acordo com um boletim emitido pelo NHC às 2:00 p.m de sexta, Harvey agora passou para a categoria 3 na escala dos furacões, com ventos de até 120 mph. A tempestade se aproxima da cidade de Corpus Christi, onde vivem 350 mil pessoas.

Os meteorologistas prevêem inundações “devastadoras” causadas pela chuva e pela maré trazida pelo furacão. Harvey pode trazer entre 15 e 25 polegadas de chuva para a região. Outro perigo é a elevação do nível do mar na costa, que pode chegar a quatro metros acima do normal nas áreas mais próximas ao olho de Harvey.

Segundo projeções para sua trajetória, Harvey permanecerá na região por algum tempo, já que nenhum modelo é definitivo no que diz respeito à direção que ele vai tomar depois que tocar terra. Os modelos indicam que a tempestade irá “serpentear” pelo interior do estado durante o fim de semana, o que pode piorar as inundações.

Alertas de furacão estão em vigor numa área que afeta cerca de 1,4 milhões de pessoas. Outras 12 milhões estão sob alerta de tempestade tropical, incluindo as cidades de San Antonio e Houston.

Harvey é a pior tempestade a assolar os Estados Unidos em 12 anos, desde 2005, quando o furacão Wilma cruzou o estado da Flórida.