Governo não vai garantir visto temporário a vítimas do furacão nas Bahamas, diz fonte ligada à Casa Branca

Fonte disse que Trump não está interessado em um “êxodo em massa” de moradores das ilhas para os EUA

0
1292
Imagem da destruição nas Bahamas (Foto: Dante Carrer/Reuters)

O governo americano não vai garantir TPS – Temporary Protected Status – às vítimas do furacão Dorian, que devastou as Bahamas na semana passada. As informações são da CNN.

Segundo uma fonte ligada à Casa Branca, Trump não tem a menor intenção de permitir ‘um êxodo’ em massa de moradores do arquipélago para os Estados Unidos.

O TPS é concedido a vítimas de desastres naturais severos, como terremotos, furacões etc. Hondurenhos, haitianos e nicaraguenses já foram beneficiados pelo TPS e o governo Trump já tentou acabar com o benefício por diversas vezes, mas esbarra em ordens judiciais.

Em entrevista coletiva na Casa Branca na segunda-feira (9), Trump comentou sobre o assunto. “Não quero deixar pessoas que não eram para estar legalmente nem nas Bahamas entrarem nos Estados Unidos. Muitos são membros de gangues e traficantes de drogas. Vamos ser bem severos quanto a isso e só admitiremos quem tiver a documentação adequada”, disse o presidente.

Retirados de navio

Centenas de sobrevivente do furacão Dorian foram retirados de um navio humanitário em Freeport, nas Bahamas, antes de embarcarem para Fort Lauderdale (FL), por não terem documentos adequados. O anúncio foi feito no autofalante do navio do domingo (8).

“Por favor, todos os passageiros que não têm o visto americano no passaporte, por favor, desembarquem”. Mais de 100 pessoas tiveram que sair da embarcação.