Imigração começa a receber processos de visto H1B nesta segunda-feira (3)

Visto de trabalho, disputadíssimo por empresas de tecnologia, é concedido a estrangeiros com curso superior

0
6190
Obtenção do visto H1B se transformou em um desafio para trabalhadores e empregadores
Governo Trump quer dificultar a imigração de trabalhadores estrangeiros

Os advogados de imigração estão correndo contra o tempo para entrar a tempo com os processos do visto H1B que começam a ser recebidos na segunda-feira (3) pelo U.S. Citizenship and Immigration Services (USCIS).

O visto de trabalho é muito concorrido e voltado para estrangeiros com curso superior e especialização em alguma área, sendo muito procurado por grandes empresas de tecnologia, como Google, Apple e Facebook. Empresas menores, porém, também podem dar entrada neste visto para funcionários, desde que se enquadrem nos requisitos do visto, que dá direito à permanência de três anos nos Estados Unidos, sendo renovável por mais três.

Vários ramos profissionais, incluindo tecnologia, engenharia, jornalismo, medicina e universidades, competem pelos 85 mil vistos anuais. Os vistos são concedidos como numa loteria e o número de aplicações aumentam a cada ano. Em 2016, a demanda foi três vezes maior que a cota. Empresas de recursos humanos lotam o sistema com candidatos, obtendo vistos para os profissionais estrangeiros e então os indicando às empresas de tecnologia. Essas companhias cobram uma parte considerável do salário. Apesar de o programa ser usado para preencher a falta no mercado de mão-de-obra, Trump tem denunciado o abuso do programa.

A demanda é muito alta para os 85 mil vistos distribuídos e, por essa, razão, em menos de uma semana, o USCIS para de receber processos por já ter superado a cota de vistos. No ano passado, 236 mil processos foram recebidos para 85 mil vistos. Quando a demanda é superada, os solicitantes entram numa espécie de sorteio.

Cancelamento do processo premium

O premium processing para o visto H1B está suspenso, eliminando a opção de encurtar o tempo de espera pelo visto. Até o ano passado, as companhias que apresentassem as aplicações para o visto H-1B podiam pagar uma tarifa extra para acelerar o processo.

O Processamento Premium custava adicionalmente $1.225 e permitia uma resposta do USCIS em até 15 dias ou o dinheiro é devolvido. O tempo de processamento padrão das aplicações do H-1B, aquelas que não são Premium, demora entre três e seis meses. A suspensão entra em vigor a partir de 3 de abril e poderá durar até seis meses, segundo o USCIS.