Invasão de iguanas com apetite voraz preocupa ambientalistas da Flórida

Autoridades acreditam que a propagação é motivada pelo tráfico ilegal de animais exóticos e por cidadãos comuns que tentar domesticar esses répteis, mas depois se arrependem e os soltam na natureza

0
1383
Tegu black and white (foto: Wikimedia)
Tegu black and white (foto: Wikimedia)

A rápida multiplicação das tegu black and white – uma espécie de iguana nativa da Argentina- está deixando ambientalistas da Flórida preocupados. Autoridades da Florida Fish and Wildlife Conservation Commission (FWCC) têm se reunido com funcionários do governo federal, donos de terras e pesquisadores para discutir a rápida expansão da espécie invasora, principalmente no condado de St. Lucie, que está praticamente colonizado pelo réptil.

O animal de altíssima capacidade de adaptação tem apetite voraz e pode desequilibrar o ecossistema. As garras e dentes afiados e o tamanho de até 4,5 pés de comprimento fazem dos tegus excelentes predadores. Segundo o professor Frank Mazzotti, da Florida University, uma análise do conteúdo estomacal feita em 124 tegus encontrou ovos de jacarés, sapos, cobras, alguns vegetais e pequenos mamíferos. Os biólogos também identificaram filhotes de tartaruga gopher, uma espécie que está ameaçada, no intestino de cinco iguanas.

“Esta é  uma corrida que já começamos perdendo” disse o professor. Na visão dele, o controle da população de tegus black and white devia ter começado há anos atrás, antes que eles começassem a por em risco as espécies nativas da região. “Não parece que aprendemos uma lição com nossa experiência com as pítons”, concluiu.

As autoridades acreditam que a propagação dessas iguanas é motivada pelo tráfico ilegal de animais exóticos e por cidadãos comuns que tentar domesticar esses bichos, mas se arrependem e os soltam na natureza.  

Embora  ainda não haja um plano de manejo dos tegus na Flórida, o FWCC está exigindo que os proprietários deste tipo de iguana tenham seus animais microchipados com informações de propriedade e rastreamento.