Irma perde força, segue para a Costa Oeste e causa mau tempo no Sul da Flórida

Miami-Dade, Broward e Palm Beach estão fora do cone de alcance do furacão, mas autoridades alertam que ventos e chuvas causarão estragos

0
7970
Boletim das 8 da manhã do NHC
Boletim das 8 da manhã do NHC

Depois de passar por Cuba, o furacão Irma continua perdendo força. Os meteorologistas acreditam que, ao voltar para o oceano, Irma volte a ganhar potência. O boletim das 8 a.m. do National Hurricane Center mostra que Irma perdeu força sobre Cuba, sustenta ventos de 130 mph e se move a 12 mph no sentido da Costa Oeste da Flórida. Irma está a 225 milhas de Miami.

As projeções mostram que Irma deve atingir as cidades de Naples, Fort Myers e Tampa. O Sul da Flórida saiu do cone de projeção de Irma e não está mais no caminho do olho do furacão. A região vai enfrentar mau tempo no final de semana e a previsão é que os ventos em Palm Beach cheguem a 50 mph, com rajadas de 75. Broward pode esperar ventos entre 45 e 60 mph, com rajadas de 75. Miami-Dade terá ventos de 50 a 65 mph, com rajadas de até 85 mph. Fortes chuvas também são esperadas.

A região da Flórida Keys pode enfrentar piores condições.

A expectativa é que Irma chegue à Flórida na madrugada de domingo (10) na direção de Naples, Fort Myers e Tampa, que já receberam ordens de evacuação.

“Temos que destacar que o ângulo de aproximação mudou para a Costa Oeste, mas ainda assim é difícil especificar onde extamente Irma vai tocar o solo”, informou o National Hurricane Center na manhã de sábado.

Na passagem pelo Caribe, Irma já matou pelo menos 21 pessoas e destruiu ilhas inteiras.