Lagosta azul raríssima é encontrada por pescador nos EUA

Chance de encontrar um exemplar da espécie é uma em dois milhões; especula-se que o pescador a tenha negociado com um aquário da cidade

0
1584
Foto do crustáceo foi compartilhada no Twitter

Chris Green, um pescador de lagosta que mora em Portland, no estado de Maine, capturou um exemplar raríssimo da espécie no início do mês. Trata-se da lagosta azul brilhante, cuja chance de ser encontrada é uma a cada dois milhões. 

A foto do crustáceo foi compartilhada no Twitter pelo usuário Lars-Johan Larsson no domingo (16), que se diz empresário do ramo de biotecnologia. Segundo ele, ela foi devolvida à água para continuar a crescer. Mas especula-se que o pescador a tenha negociado com um aquário da cidade.

As lagostas vivem no fundo do oceano, preferindo águas mais frias. Mas, sazonalmente, elas retornam para águas rasas e mais quentes.

De acordo com o Lobster Institute, a maioria das lagostas tem uma cor marrom esverdeada. Além dos raros espécimes azuis, há também os de cor amarelada ou mesmo brancas. Uma lagosta de qualquer cor ficará vermelha quando você a cozinhar, exceto as brancas.