Livro narrando bastidores da Casa Branca de Trump é o mais vendido na Amazon

"Fire and Fury: Inside the Trump White House", de Michael Wolff, foi ameaçado pelos advogados do presidente

0
1652
Capa do livro "Fire and Fury: Inside the Trump White House"

O polêmico livro que conta os bastidores do primeiro ano da presidência de Donald Trump, com revelações supostamente feitas por ex-colaboradores próximos do presidente, como o ex-estrategista-chefe de governo, Steve Bannon, chegou ao topo da lista de mais vendidos da Amazon apenas dois dias depois de lançado.

Na semana passada, cópias de divulgação do livro de Michael Wolff “Fire and Fury: Inside the Trump White House” (“Fogo e Fúria: Por dentro da Casa Branca de Trump”, em tradução livre para o português) começaram a circular pelas redações dos jornais mais importantes do País, com revelações bombásticas sobre o primeiro ano de governo do presidente Donald Trump.

Na quinta-feira, advogados do presidente exigiram que o autor e sua editora suspendessem o lançamento do livro, que negassem o seu conteúdo e pedissem desculpas. Em vez disso, a editora Henry Holt & Co. antecipou o lançamento do livro, alegando uma “demanda sem procedentes”.

Na sexta-feira (5), “Fire and Fury” já estava na primeira posição entre os mais vendidos da Amazon.

Trump comentou pelo Twitter que Wolff é “um derrotado total, que inventou histórias para vender esse livro realmente entediante e cheio de inverdades. Ele usou ‘Sloppy’ Steve Bannon, que chorou quando foi demitido e implorou pelo emprego. ‘Sloppy’ Steve foi jogado pra fora como um cachorro por quase todo mundo. Muito ruim!”