Melhora o estado de saúde de brasileira que levou 30 facadas em Kissimmee (FL)

Rosiney Souza Cavalcante saiu da UTI, foi para o quarto, mas ainda está sedada; ‘minha mãe de oitenta anos não come, não dorme e todos nós tentamos entender o que aconteceu’, diz irmã

0
3334
Rose foi esfaqueada e está internada em Kissimmee
Rose foi esfaqueada e está internada em Kissimmee

Melhorou o estado de saúde da manicure brasileira Rosiney Souza Cavalvante, de 51 anos, que levou 30 facadas no último dia 17 em Kissimmee, região central da Flórida. Rose Pagliarulo, como é conhecida, saiu da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e foi transferida para o quarto, de acordo com informações dada pela irmã da vítima, Conceição Cavalcante, ao AcheiUSA. Ela continua sedada, mas saiu do estado gravíssimo, para estável. “Ela chegou com mínimas chances de vida ao hospital”, disse Conceição.

A família de Rose mora em Cuiabá (MT) e não tem ideia do que possa ter acontecido, ou quem tenha cometido o crime. Devido à gravidade dos ferimentos, Rose teve a mão direita amputada. “Minha mãe de 80 anos está sem comer, sem dormir e tem tentado fazer as atividades sem a mão direita para sentir o que a Rose vai sentir daqui para frente”.

Conceição disse que a irmã – que é cidadã americana – é uma pessoa alegre, jovial e que voltou para os Estados Unidos em janeiro. Ela viveu 12 anos com o marido americano, se separou voltou a morar no Mato Grosso por quatro anos e resolveu morar na Flórida. “Ela falou que manicure no Brasil ganha muito pouco e que voltaria para os Estados Unidos para juntar um dinheiro, comprar uma terra e criar galinhas”, disse a irmã, que deve viajar para os EUA para acompanhar o caso.

Segundo a família, o hospital informou que de acordo com o regulamento o acompanhante tem que ser pai ou mãe da paciente, ou alguém da família que seja mais velha que ela. Como o pai é falecido e a mãe tem mais de 80 anos, a irmã vai acompanhá-la.

A família fez uma ‘vaquinha’ online para arrecadar recursos para a viagem e também para as despesas hospitalares. Quem puder ajudar clique aqui.