Morre o Tremendão Erasmo Carlos aos 81 anos

Considerado um dos pioneiros do rock nacional, Erasmo soma diversas composições que ficaram famosas na voz de seu parceiro e amigo, Roberto Carlos, entre elas sucessos como "As Curvas da Estrada de Santos" e "Gatinha Manhosa".

0
559
Morre no Rio de Janeiro o cantor e compositor Erasmo Carlos. Foto: Divulgação

Morreu nesta terça-feira (22), no Rio de Janeiro, o cantor, compositor e multi-instrumentista Erasmo Carlos, carinhosamente conhecido como Tremendão, aos 81 anos. A informação foi confirmada por fonte próxima à família e confirmada pela GloboNews. A causa da morte ainda não foi divulgada.

Em outubro, Erasmo foi internado no Hospital Barra D’Or, na Barra da Tijuca para realizar uma bateria de exames e readequação de medicamentos de uso contínuo. Na ocasião, o artista precisou cancelar a turnê que faria nos Estados Unidos, passando por Miami e Orlando, na Flórida.

No início do mês, Erasmo recebeu alta, mas voltou ao hospital na noite de segunda-feira (21). Ele sofria de uma síndrome edemigênica, que ocorre quando há um desequilíbrio bioquímico, dificultando a manutenção dos líquidos dentro dos vasos sanguíneos, enfermidade relacionada a doenças cardíacas e renais.

Erasmo Carlos é considerado um dos pioneiros do rock nacional, e está entre os artistas mais consagrados da música popular brasileira. Em seus 60 anos de carreira, Erasmo soma diversas composições que ficaram famosas na voz de seu parceiro e amigo, Roberto Carlos, entre elas sucessos como “As Curvas da Estrada de Santos” e “Gatinha Manhosa”.