Motorista da Flórida é preso transportando 150 imigrantes em um caminhão

Ao ser abordado pelos policiais, o homem disse não saber exatamente o que estava carregando, apenas que se tratava de algo "ilegal"

0
1332
O veículo foi interceptado quando cruzava um posto de inspeção do Customs and Border Patrol (CBP) (foto: flickr)
O veículo foi interceptado quando cruzava um posto de inspeção do Customs and Border Patrol (CBP) (foto: flickr)

Joseph Winslow, um morador da Flórida, foi preso na cidade de Laredo, no Texas, conduzindo um caminhão com 150 imigrantes na carroceria, a maioria do México e da Venezuela.

O veículo foi parado pelos agentes do Customs and Border Patrol (CBP) ao cruzar o posto de inspeção na milha 29 da rodovia IH-35.

De acordo com o documento judicial sobre o caso, Winslow disse aos policiais que não sabia o que continha na parte de trás do caminhão e que ele havia recebido $10 mil dólares para fazer o traslado do Texas para a Flórida. “Ele apenas disse que fora informado que transportaria algo ilegal”, relata o texto.

Ainda de acordo com o documento, os policiais interrogaram Rosalba Damian Ponce, um imigrante do México, e Lisheny Mata Rodríguez, de nacionalidade venezuelana, e ambas afirmaram que fizeram um acordo com traficantes de pessoas para levá-los aos EUA.

Agora, as duas mulheres estão sob custódia do Immigration and Custom Enforcement (ICE) como testemunhas do caso. Elas e todos as demais pessoas que se encontravam na carroceria do caminhão foram levadas para o centro de detenção de imigrantes em El Paso,  Texas.