Mulher é atacada com facão, consegue se desvencilhar e mata agressor, segundo a polícia

Caso aconteceu em Marathon, região de Florida Keys; mulher não foi presa por ter agido em legítima defesa

0
3412
Polícia relatou que se trata de legítima defesa
Polícia relatou que se trata de legítima defesa

O corpo de um homem encontrado boiando nos manguezais em Marathon, na região de Florida Keys, é de Gustavo Torna Aguado, de 58 anos, acusado de atacar Crystal Marie Young, de 45 anos, com um facão na noite anterior.

Segundo o Monroe County Sheriff’s Office, Gustavo teria atacado Crystal em seu barco na noite de quinta-feira (27). Apesar de estar gravemente ferida, com ferimentos profundos na cabeça, braço e outras partes do corpo, Crystal conseguiu se desvencilhar, pegar a faca e matar Gustavo “em legítima defesa”, de acordo com a polícia.

“Os ferimentos sofridos por Crystal e por Gustavo são consistentes com a versão que ela deu sobre os fatos. Em outras palavras: ela o matou para se defender”, disse a polícia.  O caso ainda será revisado pela promotoria, que irá decidir se Crystal será ou não processada criminalmente.

Na noite do crime, um vizinho encontrou Crystal gravemente feria e sangrando e ligou para o 911. Ela foi levada para um hospital de Miami e já foi liberada.

Os dois teriam um caso amoroso, mas não viviam juntos. (Com informações do Miami Herald).