Número de crianças sob custódia do governo na fronteira cai para o menor patamar desde março

Dados divulgados no dia 3 de janeiro mostram que 9.980 menores de idade estão sob custódia do governo; em abril, 22.500 crianças estavam em abrigos

0
822
Famílias inteiras e crianças em abrigos da imigração no Texas (Foto DHS - Inspector General)
Famílias inteiras e crianças em abrigos da imigração no Texas (Foto DHS - Inspector General)

O número de crianças estrangeiras sob custódia do governo está abaixo de 10 mil pela primeira vez desde março, de acordo com informações divulgadas pelo US Department of Health and Human Services no dia 3 de janeiro.

Até o dia 2 de janeiro, 9.980 crianças estavam sob a guarda do governo. O recorde foi registrado em abril do ano passado, quando 22.500 menores estavam em abrigos federais.

A queda, segundo especialistas, pode ser explicada pelo recesso de fim de ano, quando a imigração ilegal registra queda.

Em abrigos federais, relatórios de grupos pró-imigrantes relatam que os menores enfrentam ansiedade, tristeza e muita falta dos pais. Uma menina de 13 anos de idade disse a voluntários que estava há 58 dias no abrigo em El Paso, Texas, e que já tinha pensado em se matar. “Eu estou aqui por muito tempo. Eu quero ir embora, é triste esperar todo dia chamarem meu nome”, disse a menina de Honduras.

“Eu sempre consegui lidar com a minha ansiedade respirando fundo, mas eu desisti. Não aguento mais”, disse uma jovem de 17 anos da Guatemala.

No ano fiscal de 2021, 147 mil crianças foram apreendidas na fronteira, segundo o US Customs and Border Protection.