Oitavas de final da Copa do Brasil tem show do Corinthians

0
265
Giuliano marcou duas vezes na noite e fez sua melhor partida pelo clube (Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians)
Giuliano marcou duas vezes na noite e fez sua melhor partida pelo clube (Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians)

O técnico português do Corinthians, Vítor Pereira, substituiu Sylvinho com uma missão: dar padrão ao time que contratou um bando de medalhões, sem critério, e despertou na segunda maior torcida do país a esperança de que o Timão pudesse ter um 2022 cheio de glórias.

Pereira analisou o elenco e constatou que jogadores acima dos 30 anos não tinham condição de praticar o estilo de jogo preferido por ele: marcar pressão na saída de bola dos adversários. Isto exige muito preparo físico, que veteranos não têm em comparação com os mais jovens.

Aí o experiente treinador português e sua comissão técnica identificaram que a solução poderia estar na base do Corinthians, os jogadores formados no “Terrão”. E a energia do time cresceu bastante e isto vem se refletindo nos resultados. Mesmo com uma equipe que não tem feito apresentações brilhantes, o Alvinegro paulista vem cumprindo uma campanha satisfatória. Afinal, é o vice-líder do Brasileirão, três pontos atrás do líder Palmeiras, e classificado para as oitavas de final da Taça Libertadores da América e da Copa do Brasil.

Corrigindo, o Corinthians já está nas quartas de final da Copa do Brasil após a goleada de 4 a 0 aplicada sobre o Santos na quarta-feira (22), com dois gols de Giuliano e dois de garotos da base: um de Mantovani e outro de Raul Gustavo. E finalmente quebrou a sina de nunca ter vencido um clássico em 2022, graças a uma atuação de gala, na Neo Química Arena, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, e ficou bem perto da classificação às quartas. Nem mesmo o mais otimista dos santistas acredita que pode reverter esta vantagem no jogo de volta, no dia 13 de julho, na Vila Belmiro.

Ao Peixe, o prejuízo poderia ter sido ainda pior, principalmente após a expulsão de Zanocelo, no meio do segundo tempo. Agora, o time de Fabián Bustos tentará uma virada épica em casa. Antes desse reencontro, porém, o Alvinegro praiano terá pela frente o próprio Corinthians, no sábado (25), na mesma Neo Química Arena, desta vez em partida válida pela 14ª rodada do Brasileirão.

Galo vence Flamengo pela segunda vez na semana

Hulk marcou o gol de abertura e fez o passe para o segundo gol do Galo (Foto: Site oficial do CAM)
Hulk marcou o gol de abertura e fez o passe para o segundo gol do Galo (Foto: Site oficial do CAM)

Galo e Fla fizeram um belo jogo. Na primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil entre Atlético-MG e Flamengo, melhor para os donos da casa. O Galo venceu por 2 a 1 em noite de grande atuação de Hulk. O atacante abriu o placar com bonito gol de cobertura e deu belo cruzamento para Ademir ampliar o placar. Os visitantes descontaram com Lázaro, que completou cruzamento de Rodinei e contou com a sorte para bater Everson.

A vantagem do Atlético-MG para o segundo jogo passa muito pelos pés de Hulk. O capitão do Galo foi o melhor em campo pelos donos da casa e teve participação direta nos dois gols, com uma bola por cima de Diego Alves e um cruzamento na cabeça de Ademir. Além disso, levou bastante perigo para o time adversário, criando outras ótimas oportunidades para o Atlético.

O garoto começou no banco de reservas na noite desta quarta-feira, mas entrou e ajudou o Flamengo a diminuir a vantagem para o jogo de volta. Com dificuldade para entrar na área adversária, os visitantes abusaram dos cruzamentos. Mas, em um deles, Lázaro apareceu na segunda trave e conseguiu completar para o gol de Everson.

Atlético-MG e Flamengo voltam a se enfrentar no dia 13 de julho, no Maracanã. Qualquer vitória do Galo ou empate classifica a equipe mineira. Se o Fla vencer por um gol de diferença, a decisão será nos pênaltis. Qualquer vitória da equipe rubro-negra por dois gols ou mais classifica os cariocas. Antes disso, porém, os dois jogam no sábado (25) pelo Brasileirão. O Atlético-MG recebe o Fortaleza no Mineirão e o Flamengo enfrenta o América-MG no Maracanã.

Furacão derrota Bahia em Salvador e sai em vantagem

Jogadores do Athletico-PR comemoram o gol de empate de Christian na Fonte Nova (Foto: José Tramontin/athletico.com.br)
Jogadores do Athletico-PR comemoram o gol de empate de Christian na Fonte Nova (Foto: José Tramontin/athletico.com.br)

De virada, o Athletico venceu o Bahia por 2 a 1, na noite da quarta-feira (22), na Itaipava Arena Fonte Nova, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. O Tricolor saiu na frente, com Lucas Mugni, mas o Furacão virou com Christian e Khellven. Todos os gols saíram na primeira etapa.

Com a vitória, o Athletico precisa apenas do empate em casa para avançar às quartas de final. O jogo de volta diante do Bahia está marcado para 12 de julho, terça-feira, na Arena da Baixada. Não tem mais gol qualificado.

O Athletico joga por qualquer empate ou vitória para passar de fase. Uma vitória do Bahia por um gol de diferença leva para as penalidades–não tem mais gol qualificado. A partida de volta entre Athletico x Bahia pela Copa do Brasil está marcada para 12 de julho, terça-feira, na Arena da Baixada.

O Bahia volta a campo no sábado (25), contra o Novorizontino, na Itaipava Arena Fonte Nova, pela 14ª rodada da Série B. O Athletico enfrenta o Bragantino também no sábado, na Arena da Baixada, pela 14ª rodada da Série A.

Leão abre vantagem sobre Vovô no jogo clássico cearense no jogo de ida da CB

Yago Pikachu fez os dois gols da Fortaleza na vitória sobre o Ceará (Foto: Mateus Lotif/Fortaleza)
Yago Pikachu fez os dois gols da Fortaleza na vitória sobre o Ceará (Foto: Mateus Lotif/Fortaleza)

Com dois gols de Pikachu, o Fortaleza venceu o Ceará por 2 a 0, na noite da quarta-feira (22), na Arena Castelão, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Pikachu chegou aos 17 gols na temporada. Além dele, Marcelo Boeck se destacou na partida, com grandes defesas. Os times voltam a se encontrar no dia 13 de julho, no estádio Castelão.

Fortaleza e Ceará fizeram um primeiro tempo cheio de emoção, com protagonismo dos goleiros. O Ceará teve três boas chances. A primeira com Vina, em chute para fora. Depois, Boeck brilhou em novas tentativas de Richard Coelho e Richardson. João Ricardo também fez uma defesa bonita. Moisés deixou Richardson no chão e chutou, para defesa do goleiro do Ceará.

Com o mesmo ímpeto do primeiro tempo, o Fortaleza chegou ao gol com Pikachu. O time de Vojvoda ainda ameaçou com Juninho Capixaba, em falta, e Romero, em chute na área. Nos dois momentos, João Ricardo fez a defesa. João Ricardo, porém, fez pênalti em Pikachu. O jogador do Fortaleza marcou o segundo dele no duelo e o 17º na temporada. Luiz Otávio ameaçou de cabeça, e Boeck segurou.

O Fortaleza duela com o Atlético-MG no sábado (25), no Mineirão, em Belo Horizonte, pela 14ª rodada da Série A. O Ceará enfrenta o Atlético-GO no domingo (26), no Castelão, pelo Brasileirão. O jogo de volta da Copa do Brasil está marcado para o dia 13 de julho, também no Castelão, com mando do Ceará.

Empate emocionante

Morno em alguns momentos, quente em outros, mas parelho durante os 90 minutos. Atlético-GO e Goiás fizeram clássico equilibrado e empataram por 0 a 0 no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. O Dragão teve mais posse e buscou o ataque insistentemente, mas o Esmeraldino se defendeu bem e também assustou o rival em algumas estocadas. Porém, o placar permaneceu inalterado no estádio Antônio Accioly no que foi o primeiro embate entre clubes goianos na história do torneio. Promessa de mais emoção para a volta!

Os dois clubes se enfrentam novamente no dia 13 de julho. Quem vencer, fica com a vaga e fatura R $3,9 milhões em premiação. Novo empate leva a disputa para as cobranças de pênaltis. Pelo Brasileirão, ambos voltam a campo no domingo (26): o Atlético-GO visita o Ceará no Castelão, enquanto o Goiás recebe o Cuiabá na Serrinha.

Três jogos de ida da Copa do Brasil foram disputados na quinta-feira (23), mas infelizmente não temos como divulgar os resultados porque a edição já estava fechada: Fluminense x Cruzeiro; América-MG x Botafogo, e São Paulo x Palmeiras. Na segunda-feira (20), o Verdão derrotou o Tricolor por 2 a 1 em virada espetacular nos últimos minutos pelo Campeonato Brasileiro, em pleno Morumbi.


Brasília não será sede da final da Copa Sul-Americana este ano

Brasília será sede da Copa Sul-Americana em 2023 (Foto: Lucas Magalhães)
Brasília será sede da Copa Sul-Americana em 2023 (Foto: Lucas Magalhães)

A final da Copa Sul-Americana, marcada para o dia 1 de outubro, deve ser retirada de Brasília. O Conselho da Conmebol vai se reunir no dia 7 de julho em Cali, na Colômbia, para decidir onde será o jogo.

O motivo que leva a Conmebol a reavaliar o local do jogo é a proximidade com as eleições gerais no Brasil. O jogo está marcado para um sábado. E as eleições são no dia seguinte, domingo, 2 de outubro.

Por enquanto, Córdoba, na Argentina, é a única cidade que se apresentou como possibilidade para o lugar de Brasília. Até a data da decisão pode haver outras candidaturas.

Cinco times brasileiros estão nas oitavas de final da atual edição da Copa Sul-Americana: São Paulo, Internacional, Santos, Atlético-GO e Santos. Essa fase começa na próxima semana (veja a tabela).

Caso a mudança seja confirmada, a tendência é que Brasília assegure o direito de ser sede da final da Copa Sul-Americana em 2023. O Conselho da Conmebol é formado pelos presidentes das dez associações nacionais de futebol do continente.


Fifa autoriza convocação de até 26 jogadores para a Copa do Catar

A Copa do Mundo do Catar será realizada entre novembro e dezembro deste ano. Cerca de 3 milhões de ingressos devem ser vendidos para os torcedores (Foto: Divulgação/Fifa)
A Copa do Mundo do Catar será realizada entre novembro e dezembro deste ano. Cerca de 3 milhões de ingressos devem ser vendidos para os torcedores (Foto: Divulgação/Fifa)

A Fifa anunciou na quinta-feira (23) que as seleções participantes da Copa do Mundo do Catar estão liberadas para convocar até 26 jogadores. Tradicionalmente, os países levam 23 nomes para a disputa do torneio. A lista final das equipes deverá ser entregue até o dia 13 de novembro.

A ampliação de 23 para 26 atletas era um desejo de Tite e de outros treinadores. Antes do sorteio que definiu os oito grupos para o Mundial, técnicos das seleções já classificadas se reuniram para deliberar sobre o tema e aprovaram a medida. Um dos argumentos é minimizar possíveis impactos de desfalques por causa da covid-19.

O outro é que a Copa do Mundo no fim do ano terá apenas uma semana de preparação, o que poderá resultar em déficit na preparação física de atletas. Até 26 profissionais (até 15 suplentes e 11 oficiais de equipe – um desses oficiais deve ser o médico) poderão se sentar no banco de reservas de cada equipe. Também será possível realizar cinco substituições nos jogos desde que em até três intervalos de tempo.

A comissão técnica da seleção brasileira conta com esse aumento também como forma de aumentar as possibilidades táticas da equipe. Com três jogadores a mais, Tite poderá levar jogadores de ataque com características diferentes, e terá mais liberdade para definir a lista de armadores da seleção. A disputa pelas vagas ficará ainda mais acirrada.

A seleção brasileira está no Grupo G e enfrentará Sérvia, Suíça e Camarões. Sérvios e suíços também foram adversários do Brasil no Mundial de 2018, na Rússia, quando o time de Tite foi eliminado diante da Bélgica, derrota por 2 a 1. No atual ciclo para a Copa do Catar, a seleção fez 48 jogos, com 35 vitórias, 10 empates e apenas três derrotas, com 103 gols marcados e apenas 18 sofridos.

O Brasil segue líder do ranking da Fifa, atualizado na quinta-feira (23). A seleção brasileira é perseguida de perto pela Bélgica, segunda colocada. Um pouco mais abaixo, na terceira colocação, está a Argentina, que ultrapassou a atual campeã mundial França.


Bia Haddad Maia é 1ª tenista a vencer 11 jogos seguidos na grama desde Serena Williams

Brasileira vive grande fase e será cabeça de chave no Grand Slam de Wimbledon (Foto: Paul Ellis/WTA)
Brasileira vive grande fase e será cabeça de chave no Grand Slam de Wimbledon (Foto: Paul Ellis/WTA)

A brasileira Beatriz Haddad Maia segue firme na busca do terceiro título seguido na grama antes de ser cabeça de chave #23 no Grand Slam de Wimbledon. A paulista de 26 anos alcançou uma marca expressiva nesta terça, após derrotar a estoniana Kaia Kanepi na primeira rodada do WTA 500 de Eastbourne, na Inglaterra. Bia alcançou a marca de 11 vitórias seguidas na grama, a maior sequência desde a multicampeã Serena Williams. Entre 2015 e 2018, a americana emplacou 20 triunfos consecutivos no piso.

Beatriz Haddad Maia garantiu vaga na semifinal do WTA 500 de Eastbourne sem nem mesmo precisar entrar em quadra. A ucraniana Lesia Tsurenko desistiu do duelo de quartas de final e garantiu a brasileira na semi contra a tcheca Petra Kvitova, que acontece nesta sexta-feira

O duelo contra Kvitova será a revanche entre as duas após apenas uma semana. As duas se enfrentaram na segunda fase do WTA 250 de Birmingham, com vitória da brasileira por 2 sets a 0, parciais de 7/6 e 6/2.


Draft da NBA: conheça os maiores talentos da seleção

Jabari Smith Jr. era o favorito para ser o Draft nº 1 (Foto: NBA)
Jabari Smith Jr. era o favorito para ser o Draft nº 1 (Foto: NBA)

Jabari Smith, Chet Holmgren e Paolo Banchero, três alas altos e versáteis, selecionados nas três primeiras posições

Maior porta de entrada de jogadores para a NBA, o draft anual aconteceu na quinta-feira (23), em New York, sem um nome de consenso para a primeira posição. O favorito para subir ao palco e ganhar o boné do Orlando Magic era o ala Jabari Smith, da Universidade de Auburn. Chet Holmgren, de Gonzaga, e Paolo Banchero, de Duke, corriam por fora.

Os três são apontados como os maiores talentos de uma safra que não teve a mesma repercussão dos novatos de 2021, liderados por Cade Cunnigham, Evan Mobley, Jalen Green e Scottie Barnes–este terminou eleito calouro do ano. Holmgren e Banchero também são alas de força, altos e versáteis como Smith, mas ainda podem jogar como pivôs, a depender da estratégia do time.

Oklahoma City Thunder e Houston Rockets possuem as escolhas dois e três, e são seus prováveis destinos. Na sequência, vêm Sacramento Kings, Detroit Pistons e Indiana Pacers. Isso se não houver negociação de escolhas nas horas que antecedem a cerimônia e até durante o evento, algo corriqueiro na história da NBA. Em 2021, por exemplo, Russell Westbrook foi parar nos Lakers na noite do draft, em troca que envolveu a escolha 22.