Padre condenado por assediar garotos em Broward

Religioso drogava as vítimas antes do ato

0
788

Foi preso nesta quinta-feira em Fort Lauderdale o padre Neil A. Doherty, de 62 anos, acusado de crimes sexuais.

Neil, que serviu à igreja católica por mais de 30 anos, é acusado de embebedar, drogar e violentar jovens rapazes, violentado-os depois que eles ficavam inconscientes.
O padre vinha sendo observado pela polícia desde agosto de 2005, quando surgiu os primeiros indícios do crime.

Uma das vitimas relatou que conheceu o padre quando tinha 7 anos e que várias vezes o religiosos dava uma refrigerante para ele beber, que o fazia perder os sentidos. O padre teria então se aproveitado do estado inconsciente do garoto para violenta-lo. O mesmo aconteceu por muitos anos até março de 2000.