Para proteger crianças na noite de Halloween, Flórida disponibilza app que rastreia abusadores sexuais

Disponível gratuitamente nas plataformas Android e IOS, o aplicativo permite o acesso à lista da FDLE de violadores sexuais em cada zip code

0
1520
Pessoas sob investigação de crimes de violência sexual devem serguir regras específicas na noite de Halloween (foto: freepic)
Pessoas sob investigação de crimes de violência sexual devem serguir regras específicas na noite de Halloween (foto: freepic)

Visto que o Halloween não está completamente cancelado devido à pandemia (pelo menos não na Flórida), as brincadeiras de trick or treat devem ser realizadas de forma diferenciada este ano, para garantir a segurança das crianças.

Mas o perigo para os pequenos não está só no risco de contágio pelo coronavírus, mas nas portas que eles batem em busca de doces ou travessuras.

Para ajudar os pais a mapearam possíveis violadores sexuais nas vizinhanças e manter as crianças longes de suas residências, o governo da Flórida disponibiliza o aplicativo FDLE, iniciais de Florida Department of Law Enforcement.

Disponível gratuitamente nas plataformas Android e IOS, o app permite o acesso à lista da FDLE de violadores sexuais por zip code. A busca é feita automaticamente permitindo a visualização do endereço do violador, além do acesso ao nome e foto da pessoa.

Tela FDLE app

 Segundo a FDLE, todas pessoas sob investigação de crimes de violência sexual receberam um comunicado oficial advertindo-os para o cumprimento de instruções específicas para a noite de Halloween. 

Eles estão proibidos de oferecerem guloseimas para as crianças e devem manter as luzes do lado de fora das casas apagadas para não atrair os menores.

Tampouco, podem colocar decorações alusivas ao Halloween e em nenhuma hipótese devem atender à porta caso alguma criança bata. Essas pessoas também estão proibidas de saírem de casa para irem a festas e usarem fantasias.

Para fazer o downloado do aplicativo clique aqui