PF só tem vaga para emissão de passaporte no fim de 2022 em São Paulo

Novo posto para emissão do documento de viagem deverá ser aberto em breve na capital paulista, de acordo com a Polícia Federal

0
466
Passaporte brasileiro (Foto Agência Brasil)

A abertura das fronteiras depois de dois anos gerou um aumento inesperado da demanda por passaportes em São Paulo e só há vaga para tirar o documento no fim de 2022.

A Polícia Federal confirma a explosão de solicitações e diz que irá abrir um novo posto na capital paulista, mas não informa quando isso será feito. “Houve um aumento substancial da demanda pelo serviço de emissão de passaportes”, sem dizer quanto. Por isso, segundo o órgão, as vagas abertas diariamente para agendamento estão se esgotando mais rapidamente.

Algumas pessoas relataram estar esperando desde fevereiro pela abertura de novas datas e seguem sem sucesso. Quem consegue agendar vai então ao local no dia horário informado. Durante o atendimento, são coletadas impressões digitais e uma fotografia facial. Depois, o prazo de entrega do passaporte é informado pelo posto – em geral, em São Paulo, o prazo é de 6 dias úteis.

“Estamos trabalhando para otimizar ainda mais a infraestrutura de atendimento”, disse em nota a PF, que abrirá um novo posto de emissão de passaporte, na Zona Norte da capital. A data, no entanto, não foi informada.

O passaporte é um documento necessário para fazer viagens internacionais. Para tirar o documento, é necessário preencher um formulário, pagar uma taxa e agendar um horário para tirar as impressões digitais e retirar o documento em um posto da Polícia Federal.