Pior já pode ter passado para Broward e Miami-Dade

Mudança na trajetória de Matthew sugere que condados serão poupados de ventos com força de furacão

0
18512
Boletim mais recente do centro de furacões melhora previsão para o sul da Flórida

O boletim das 5 p.m. do National Hurricane Center pode significar boas notícias para os condados de Broward e Miami-Dade. O curso da tempestade virou um pouco para nordeste, significando que essa parte da Flórida pode ser poupada dos efeitos do maior furacão a atingir o estado em 11 anos, de categoria 4.

“O movimento na direção nordeste melhorou significativamente o prognóstico para Miami-Dade e boa parte do interior”, disse a nota do National Weather Center. “Há melhorias também para Broward, Palm Beach e a área do lago Okeechobee, mas a ameaça permanece”.

Esta tarde foram registradas rajadas de ventos de até 59 milhas por hora no aeroporto internacional de Fort Lauderdale, com a proximidade do furacão.

As estradas do condado de Broward estão fechadas desde as 3 p.m. de quinta.

A FPL confirma que a tempestade cortou a luz de 4150 residências em Broward, 7150 em Miami-Dade. A luz já foi restaurada para pouco mais de 8000 residências.

A possibilidade do olho da tempestade passar sobre Broward ou Palm Beach diminuiu, mas os condados permanecem sob risco. O cone de probabilidades da trajetória desviou-se para o leste, reduzindo as chances de um impacto direto nesses condados.

“Ainda não podemos precisar onde o centro vai estar esta noite, se na costa de Palm Beach ou em algum lugar mais ao norte”, disse Rick Nabb, diretor do NHC.

Ventos de até 111 mph são possíveis para a noite de quinta em partes de Palm Beach, e possivelmente em Broward, com maior risco para a parte nordeste do condado.

Palm Beach pode sentir o efeito dos ventos a partir das 9 da noite de quinta até 6 da manhã de sexta, diz o NWS.