Polícia encontra corpo de homem em porta-malas de carros no estacionamento do Walmart em Homestead

Morador de rua foi preso suspeito de cometer o crime

0
2603
Justin Earnshaw foi preso acusado de homicídio
Justin Earnshaw foi preso acusado de homicídio

Um homem de 38 anos foi preso na sexta-feira (14) acusado de matar Jose Munoz, de 39 anos, cujo corpo foi encontrado no porta-malas de um carro estacionamento do Walmart em Homestead, a sul de Miami-Dade.

Justin Earnshaw é morador de rua e foi acusado de homicídio, posse de drogas e por dar um nome falso à polícia.

Segundo as autoridades, Earnshaw admitiu ter matado Munoz depois de uma briga em um hotel. Ele confessou ter dado diversos socos na vítima, que desmaiou. Ele, então, apertou seu pescoço até ele parar de respirar.

O acusado pelo assassinato ainda pegou um fio de telefone para estrangular Munoz. Depois, enrolou seu corpo em roupas de cama e colocou no porta-malas do carro da vítima.