Em uma semana, cinco alunos foram presos por ameaças a escolas do sul da Flórida

Ameaças foram publicadas nas redes sociais

0
1495
Policiais cercam escola de Parkland após ameaça feito por aluno (Foto: Local10News)
Policiais cercam escola de Parkland após ameaça feito por aluno (Foto: Local10News)

Cinco estudantes do sul da Flórida foram presos desde a última semana após postarem ameaças de atentados a escolas públicas nas redes sociais. Quatro em Miami-Dade e um em Broward.

A última prisão foi anunciada pela polícia nesta terça-feira (7). Keith Clayton, de 17 anos, disse em um grupo privado do Facebook que pretendia “abrir fogo” na Hialeah-Miami Lakes Middle School. Ele e todos os outros suspeitos terão que responder por crime de ameaça de morte e dano corporal.

A onda de posts ameaçadores teve início após o tiroteiro na Oxford High School, em Michigan, no último dia 30 de novembro. O atirador Ethan Crumbley, 15, e seus pais, James e Jennifer Crumbley, estão presos e terão que responder pela morte de quatro pessoas.

“Pais, falem com seus filhos para lembrá-los de que qualquer ameaça – mesmo que eles pensem que é uma piada – resultará em consequências graves. Na Flórida, uma ameaça feita contra uma escola é um crime de segundo grau”, declarou o porta-voz da polícia de Broward.

Para denunciar ameaça a uma escola no estado ligue (754) 322 2150.