Prefeita de Oakland, na Califórnia, avisa imigrantes sobre blitz do ICE e ‘salva’ pelo menos 800

Diretor do ICE ficou furioso com atitude da prefeita, que disse que não se arrepende

0
7406
Prefeita de Oakland, Libby Schaaf avisou aos imigrantes sobre operação do ICE
Prefeita de Oakland, Libby Schaaf avisou aos imigrantes sobre operação do ICE

Defensora ferrenha da causa imigrante, a prefeita de Oakland, na Califórnia, evitou a prisão de pelo menos 800 imigrantes indocumentados pelo U.S. Immigration and Customs Enforcement (ICE), depois de avisá-los sobre uma blitz que aconteceria no local.

Libby Schaaf soube com antecedência da realização de uma operação do ICE e avisou a comunidade pela televisão. Ela disse que se sentiu na obrigação de avisar as pessoas da Bay Area que as blitz aconteceriam. “Soube por múltiplas fontes que o ICE vai realizar uma operação na região. Minha intenção não é causar pânico e sim informar”, disse a prefeita.

O diretor do ICE, Thomas Roman, ficou furioso com a decisão da prefeita e disse que pelo menos, 864 ‘criminosos’ conseguiram fugir graças à prefeita. “Mais de 800 criminosos conseguiram fugir, ela avisou e nós não conseguimos prendê-los”, disse Roman à FOX.

“A administração Trump está tentando distrair o povo americano, tentando convencê-los que os imigrantes são pessoas perigosas. Isso está longe de ser verdade e é baseado em racismo”, disse a prefeita.

Na operação, 150 pessoas foram presas em três dias. Há duas semanas, 212 imigrantes indocumentados foram detidos na região. No Texas, 145 foram presos em sete dias de operação em fevereiro.

O ICE informou que metade dos presos têm passagem pela polícia ou já cometeram crimes, outros violaram as leis imigratórias, como passar o tempo do visto, direção sem carteira de habilitação ou sob influência de álcool. (Com informações do The Washington Post).